Vídeos de bastidores mostram que mistério de Blindspot se torna global na 3ª temporada

A rede NBC divulgou dois vídeos de bastidores e uma cena da estreia da 3ª temporada de “Blindspot”, que vai ao ar nesta sexta (27/10) nos Estados Unidos. Além de depoimentos do elenco e do criador Martin Gero (série “The L.A. Complex”), as prévias mostram que a trama se tornou global, com gravações em vários países. O primeiro episódio, por exemplo, passa-se em Veneza.

A série gira em torno do mistério da personagem de Jaimie Alexander (a Lady Sif de “Thor”), batizada de Jane Doe após ser encontrada nua e desmemoriada no centro de Nova York, e com o corpo coberto de tatuagens que viram o centro de uma investigação do FBI, revelando pistas de crimes em cada um dos desenhos em sua pele. Aos poucos, o segredo por trás das tatuagens se mostra uma grande conspiração, alimentada por uma organização secreta, que visa denunciar a corrupção das agências federais americanas. Mas o final da temporada passada acrescentou novas tatuagens e uma vingança contra a protagonista, que inclui o desaparecimento de três agentes do FBI, além, claro, de um marido – o agente Kurt Weller, personagem de Sullivan Stapleton (“300: A Ascensão do Império”).

Principal lançamento da TV americana em 2015, “Blindspot” perdeu fôlego na 2ª temporada ao aprofundar a conspiração de sua trama e correu risco de cancelamento, com seus 10 milhões de telespectadores encolhendo pela metade – 4,9 milhões. E agora vai lutar pela sobrevivência nas noites de sexta-feira, que tradicionalmente registram as piores audiências da TV aberta dos Estados Unidos.

No Brasil, “Blindspot” é exibido pelo canal pago Warner.