Mariah Carey é cortada de filme por mau comportamento

A fofoca de que Mariah Carey infernizou as filmagens da nova comédia de Will Ferrell foi confirmada pelo diretor Andrew Jay Cohen, que estreia na função após escrever “Vizinhos” (2014) e “Os Caça-Noivas” (2016).

Durante a première de “The House”, que ainda não teve seu título traduzido no Brasil, Cohen revelou que todas as cenas gravadas pela cantora foram cortadas do filme, devido a seu mau comportamento.

“As partes mais engraçadas ficaram no filme. Nós não incluímos ela no filme”, ele disse à agência Reuters.

Membros do elenco confirmaram que foi difícil trabalhar com Mariah.

“Houve sugestões que não foram executadas. Ela estava no nosso set e coisas aconteceram. Coisas aconteceram e não aconteceram”, disse Ferrell, numa participação na semana passada no talk show “Late Night with Seth Myers”.

Quem foi mais específico foi o ator Rob Huebel. Ele revelou em maio que a cantora chegou quatro horas atrasada, pediu rosas brancas em seu trailer e informou não cantaria a música que os produtores lhe contrataram para cantar.

“Fizemos algumas cenas como uma pop star chamada Mariah Carey e não foi muito legal”, contou Huebel, em entrevista para a rádio SiriusXM. “O que aconteceu? Foi uma loucura. Ela foi contratada para cantar uma música, e ela chegou quatro horas atrasada e disse: ‘Gente, eu não quero cantar essa música’. Os produtores disseram: ‘Nós contratamos você para cantar essa música’, mas ela resolveu que iria cantar outra”, revelou.

“Então, eles iriam fazer uma cena em que atiram nela, eu acho, e eles a matam – no filme, não na vida real. Mas ela não queria isso. Ela falava coisas do tipo, ‘Eu não acho que minha personagem seria morta por balas. E se eu desviasse dos tiros como a Mulher-Maravilha?’ Eles disseram: ‘Mariah, não temos tempo para isso. Você está recebendo muito dinheiro. Nós contratamos você por um dia. Não temos tempo para discutir com você. Basta fazer isso’. Ela simplesmente não queria fazer o que eles queriam que ela fizesse”.

Os representantes de Carey não fizeram comentários.

“The House” estreia na sexta (30/6) nos Estados Unidos, mas só chegará no Brasil em setembro.