Avatar 2 será primeiro filme que dispensará óculos para sua projeção 3D



A demora para o início da produção de “Avatar 2” finalmente ganhou justificativa. O diretor James Cameron vem trabalhando em segredo numa nova tecnologia de projeção 3D, que dispensará o uso óculos, e pretende introduzir a novidade nos cinemas com seu novo filme.

“Avatar 2” fará uso de um novo sistema de projeção a laser desenvolvido pela Christie Digital. Este novo sistema tem sido descrito como “laser puro” na comunidade de tecnologia por sua capacidade de usar 60 mil lumens para fornecer imagens brilhantes a taxas de quadros incrivelmente altas. O resultado produz imagens mais claras do que nunca, o que sempre é preferido – especialmente em 3D.

Em uma palestra realizada há sete meses na Society of Motion Picture and Television Engineers, o cineasta já tinha afirmado que isso fazia parte de seus planos. “Gosto do 3D, mas precisamos melhorá-lo com projeções mais brilhantes. E eu quero lançar meus próximos filmes com a tecnologia que não precisa de óculos para que a imagem se torne 3D. Estamos chegando lá”, ele afirmou na ocasião.

Cameron ajudou a revolucionar a produção cinematográfica em 3D com o primeiro “Avatar”, em 2009, e sua aposta ao produzir continuações é fazê-lo novamente. Eliminar a necessidade de óculos seria a maior revolução do formato, e propiciaria uma nova febre por filmes 3D no futuro.



Com as filmagens de “Avatar 2” previstas para começar em setembro, não deve demorar para que surjam mais detalhes sobre essa tecnologia e a forma como ela será implementada em todo o mundo – imagina-se que os projetores digitais teriam que ser trocados em todas as salas de cinema, o que tornaria sua adoção lenta.

Mas ainda há três anos para testes.

“Avatar 2” tem estreia marcada para 18 de dezembro de 2020.


Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.



Back to site top
Change privacy settings