Diretor quer fazer continuação do terror cultuado Donnie Darko

 

O diretor Richard Kelly foi considerado um visionário por conta de seu longa de estreia, o cultuadíssimo terror “Donnie Darko”, estrelado pelo jovem Jake Gyllenhaal em 2001. Mas nenhum de seus poucos trabalhos posteriores teve a mesma repercussão. Não por acaso, ele agora quer fazer uma continuação.

“Acredito que exista algo maior e mais ambicioso para realizar nesse universo. É algo grande e caro e há tempo para chegar lá. Quero ter certeza de que conseguimos o orçamento que faça justiça [à ideia] sem concessões”, contou Kelly, em entrevista ao site HVM.

Ele não dirige nenhum longa desde que lançou “A Caixa” em 2009. Entre este e “Donnie Darko”, fez só mais um filme, “Southland Tales: O Fim do Mundo” (2006), uma sci-fi ambiciosa e caríssima, que nem a presença de Dwayne Johnson impediu de se transformar num grande fiasco de público e crítica.

Segundo conta, essa demora entre suas produções se deve ao escopo dos projetos. “Tenho trabalhado em projetos diferentes. O problema é que eles são muito ambiciosos e caros (…) Pretendo tirar o atraso e fazer alguns na sequência”, diz o diretor, que promete dirigir um novo filme em 2017, sem dar maiores informações.

Vale lembrar que “Donnie Darko” já teve uma sequência: “S. Darko: Um Conto de Donnie Darko” (2009), produzida com baixo orçamento e centrada na irmã do protagonista original. A produção não teve nenhuma participação do diretor e saiu direto em DVD.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.

Back to site top
Change privacy settings