Verdades Secretas vence o Emmy Internacional como Melhor Novela

“Verdades Secretas” foi a melhor novela do mundo em 2016, na opinião da Academia Internacional das Artes & Ciências Televisivas. A produção da rede Globo venceu o Emmy Internacional de sua categoria, em cerimônia realizada na noite de segunda (21/11), em Nova York. Passada no mundo da moda, a trama de Walcyr Carrasco acompanhou sucessos e escândalos, especialmente o de uma modelo que se afunda no vício do crack. Pela interpretação de Larissa, a atriz Grazi Massafera disputou o Emmy de Melhor Atriz, mas acabou perdendo para a alemã Christiane Paul, pelo telefilme “Unterm Radar”.

“‘Verdades secretas’ foi uma novela onde mergulhei profundamente, um trabalho feito com a alma”, afirmou Carrasco, que foi ao palco da premiação acompanhado das atrizes Camila Queiroz, Grazi Massafera, Guilhermina Guinle e Agatha Moreira, dos diretores-gerais André Felipe Binder e Natalia Grimberg, do diretor Allan Fiterman e da produtora de elenco Bruna Bueno.

O autor destacou que a trama “foi uma novela inovadora, que trouxe assuntos polêmicos, como a prostituição no mundo da moda – o famoso book rosa – e a destruição humana causada pelo crack”. E concluiu: “Foi libertador escrevê-la. Em si só, uma viagem profunda ao meu interior como artista”.

A Globo coleciona, agora, 15 estatuetas do Emmy Internacional, premiação mais importante da TV mundial.

Em comunicado, Carlos Henrique Schroder, Diretor-Geral da Globo, exaltou o trabalho das equipes envolvidas e o histórico de sucesso da emissora na premiação. “Mais uma cerimônia do Emmy Internacional e a Globo fez bonito de novo. Outra vez, nosso talento, nossa qualidade e nossa criatividade foram reconhecidos no exterior. Levamos a estatueta de Melhor Novela, com ‘Verdades Secretas’. Também fizeram bonito os outros finalistas, que estão entre os melhores do mundo”.

Além da disputa de Melhor Novela, a Globo apareceu em outras quatro categorias. Grazi Massafera disputava como Melhor Atriz, Alexandre Nero foi indicado a Melhor Ator por seu trabalho em “A Regra do Jogo”, “Zorra” estava na concorrida categoria de Melhor Comédia e “Os Experientes” na categoria de Telefilme/Minissérie. Uma produção da MTV, “Adotada”, completava a lista de programas brasileiros, na categoria de entretenimento sem roteiro.

Entre os vencedores, produções da Alemanha e do Reino Unido dividiram a maioria dos prêmios, inclusive os principais. O troféu de Melhor Série de Drama ficou com o excelente trillher de espionagem “Deutschland 83”, passado na Berlim dividida da Guerra Fria, enquanto a britânica “Hoff the Record” venceu como Melhor Série de Comédia. O veterano ator Dustin Hoffman levou o prêmio de interpretação masculina por sua performance na produção britânica “Roald Dahl’s Esio Trot”, e a TV do Reino Unido ainda faturou o prêmio de Melhor Minissérie por “Capital”, estrelada por Toby Jones, que explora temas polêmicos como a divisão de classes e o temor causado pelos imigrantes.

Confira abaixo a lista completa dos vencedores.

Vencedores do Emmy Internacional 2016

Melhor Série de Drama
Deutschland 83 – Alemanha

Melhor Série de Comédia
Hoff the Record – Reino Unido

Melhor Minissérie ou Telefilme
Capital – Reino Unido

Melhor Novela
Verdades Secretas – Brasil

Melhor Ator
Dustin Hoffman por Roald Dahl’s Esio Trot – Reino Unido

Melhor Atriz
Christiane Paul por Unterm Radar – Alemanha

Melhor Documentário
War of Lies – Alemanha

Melhor Programa de Artes
The Man Who Shot Hiroshima – Japão

Melhor Entretenimento Sem Roteiro
Allt För Sverige – Suécia

Melhor Programa Americano em Língua Estrangeira
Francisco, El Jesuita – Estados Unidos