Novo filme de ação de Tom Cruise é adiado e muda de nome

A Universal Pictures decidiu fazer duas alterações radicais no lançamento do novo filme de ação de Tom Cruise. Para começar, o thriller, que foi filmado como “Mena”, será lançado com outro título: “American Made”. Além disso, sua estreia, prevista para janeiro, sofreu um adiamento de oito meses, e agora só vai chegar aos cinemas daqui a mais de um ano, em setembro de 2017.

Segunda parceria entre Tom Cruise e o diretor Doug Liman, após o bem-sucedido “No Limite do Amanhã” (2014), “American Made” conta a história de Barry Seal, um piloto norte-americano que, na década de 1980, trabalhou para o narcotraficante Pablo Escobar, chefe do cartel de Medellín, e que após ser preso aceitou virar informante da DEA, a agência antidrogas dos Estados Unidos. O personagem apareceu brevemente na série “Narcos”, do Netflix, interpretado por Dylan Bruno (série “Numb3rs”).

Cruise vive Seal na produção, que foi marcada por uma tragédia. Durante as filmagens, a queda de um avião usado pela produção na Colômbia, matou dois membros da equipe e deixou um terceiro em estado grave. As autoridades locais informaram que as más condições do tempo provocaram o acidente.