Surpresa! Veja o trailer da continuação secreta de Cloverfield – Monstro



Depois de conseguir filmar “Star Wars: O Despertar da Força” sem o vazamento de spoilers, o cineasta J.J. Abrams surpreendeu com uma façanha ainda mais ousada para esses tempos de internet rápida. Ele produziu um filme inteiro em segredo. E não um filme qualquer. Uma sequência de blockbuster!

A surpresa veio à tona já com pôster e trailer legendado, que podem ser conferidos abaixo. Trata-se de “Rua Cloverfield 10”. Inicialmente chamado de “The Cellar” (O porão) e depois “Valencia”, o projeto foi realizado sem chamar atenção. Só agora se sabe sua verdadeira identidade: a continuação do elogiado “Cloverfield – Monstro”, feito originalmente em 2008 no estilo found footage, com direção do ainda novato Matt Reeves (“Planeta dos Macacos: O Confronto”) e roteiro do estreante no cinema Drew Goddard (indicado ao Oscar por “Perdido em Marte”).

Assim como o filme original, a continuação marcará a estreia de um jovem promissor. O filme é dirigido por Dan Trachtenberg, que se projetou ao produzir, em 2011, um curta-metragem inspirado no game “Portal”. O roteiro também é de novatos, mas foi finalizado por ninguém menos que Damien Chazelle, indicado ao Oscar 2015 pelo roteiro de “Whiplash”.



Por sua vez, o elenco conta com nomes conhecidos, como John Goodman (“Argo”), Mary Elizabeth Winstead (“A Coisa”) e John Gallagher Jr. (série “The Newsroom”). Na prévia, eles aparecem passando o tempo divertindo-se com jogos de tabuleiro. Desta vez, não há câmera na mão ou vídeo a ser encontrado. Mas há algo errado nessa cena corriqueira. Tremores de terra, cadeados e uma escadaria revelam que eles estão num abrigo subterrâneo (“the cellar”). E quando Winstead se desespera para sair, ouve Goodman dizer que ela matará a todos. A advertência é seguida por uma constatação: “Eles estão vindo”.

A estreia está marcada para 10 de março no Brasil, um dia antes do lançamento nos EUA.


Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings