BBB | Sincerão foi marcado por veneno de Fernanda contra Fadas

Depois do Sincerão sem graça da semana passada, a produção do “BBB 24” deu uma temperada no quadro da noite de segunda (5/2), trazendo mais participantes e colocando mais ranço no molho, […]

X/Big Brother Brasil

Depois do Sincerão sem graça da semana passada, a produção do “BBB 24” deu uma temperada no quadro da noite de segunda (5/2), trazendo mais participantes e colocando mais ranço no molho, com uma dinâmica que incluiu flechadas no coração dos rivais. Foi quase um revival do Jogo da Discórdia, onde não faltaram discursos, acusações e deboches.

Participaram da brincaram a líder Fernanda Bande, o anjo Matteus Amaral, os emparedados Alane Dias, Beatriz Reis, Isabelle Nogueira e Juninho, e novos convidados: os votados pelos emparedados no Confessionário na formação do Paredão de domingo passado (4/2), Wanessa Camargo, Michel Nogueira, Raquele Cardozo e Marcus Vinicius.

Wanessa, Michel e Raquele reclamaram de Davi Brito, alvo recorrente da maioria dos confinados. Vendo tudo da sala, Davi só riu dos ex-aliados. Já Marcus pensou nas amigas emparedadas e mirou em Juninho, levantando uma pauta de falsidade.

A briga entre os emparedados e a líder foi bem mais quente, com frases de efeito e fechamentos, especialmente de Fernanda.

 

Alane do Sepultura

Para começar, Juninho disse que Alane não era só a elegância que aparentava, pois “parece uma cantora de heavy metal da banda Sepultura quando fica nervosa”. E acrescentou: “Ela grita de uma forma que me assustou ontem”.

Com direito de resposta, a paraense pontuou que e “tem várias Alanes dentro de si” e que Juninho se acha muito. “Eu não lhe pegaria aqui, não lhe pegaria lá fora, não lhe pegaria em nenhum lugar. Eu conversando com você fico cansada, desgastada. Porque eu preciso reafirmar o tempo todo os meus princípios e meus valores. Eu desprezo totalmente você”.

 

O problema dos dois corpos

Em seguida, Alane puxou Fernanda para a discórdia. “Há duas semanas, ela vem criticando a minha forma de ser de um jeito que eu tento mostrar que não me afeta, mas me afeta. Quando me olho no espelho todos os dias, lembro do que a Fernanda falou para mim na academia e isso me machuca e me dói”, disse ela, citando que sempre foi muito cobrada por seu corpo devido ao fato de ser bailarina.

A sister relembrou as falas da confeiteira sobre seu corpo e voltou a falar sobre suas levantadas de perna. “Se para você é desprezo, eu sinto muito”, disparou levantando a perna novamente enquanto Fernanda ironizava.

Fernanda admitiu que foi afrontosa. “Eu levantei a perna em puro deboche, mas não em relação a sua história com a perna. Foi uma afronte, concordo e não me orgulho”, disse a carioca que em seguida tentou justificar porque disse que ela estava ‘molinha’.

“Você acha certo falar do corpo de alguém?”, interrompeu Alane. “Eu realmente perdi o meu controle, eu tenho muita vergonha porque eu tenho, pelo menos, 10 anos a mais que você e eu me descontrolei com uma menina que adora converter tudo para você, quer ser o centro das atenções. Você debochou da minha perna, eu debochei da sua”, disparou Fernanda. “Você falou do meu corpo em geral”, insistiu Alane. “Você quer que seja corpo, só que não é o que você quer. Este ponto te atingiu como uma ferida e a intenção não era essa. Acho que você converge todas as situações. Também reconheço meu erro, mas não vou deitar para você, porque você faz cena sim”.

 

Fernanda cinéfila e produtora

Enquanto Fernanda falava, Alane a interrompeu e foi alertada por Tadeu: “Alane, aguarde a réplica da Fernanda”. A confeiteira então debochou: “É, ó… Cadê? Cadê a direção?”

“Nossa, debocha até da direção do programa”, acusou a paraense. Fernanda explicou estar debochando da sister, mas, ao fim da réplica, Tadeu pontuou: “Fernanda, pode ficar tranquila que a gente está dirigindo daqui o tempo de todo mundo”.

Durante a dinâmica, Fernanda também foi alvo de Beatriz Reis. A vendedora acusou a confeiteira de ter inveja de sua felicidade e levou uma invertida. “Com relação à sua alegria, ao seu jeito, é você e não me incomoda real. Só acho que você é invasiva em alguns momentos. Sabe o que eu faço com isso? Eu me afasto de você! Eu queria ter mais coisa pra falar de você, mas não tenho, porque prefiro não ficar perto”, disse a confeiteira, que antes tinha citado o terror “Fragmentado” ao falar com Alane e na sequência citou um drama premiado de Danny Boyle. “Tem um filme chamado ‘127 horas’ que o cara agarra a mão na pedra. Se eu estivesse com a mão agarrada com você não seria 127 horas, eu ia arrebentar minha mão em 5 segundos”.

No filme, baseado numa história real, o montanhista vivido por James Franco cai num buraco durante uma escalada e fica com a mão presa numa rocha. Como o tempo passa e ninguém vem resgatá-lo, após 127 horas ele decide decepar o braço para sair do local e retornar por conta própria para a civilização. Fernanda sugeriu que arrancaria o próprio braço para não ficar ao lado de Beatriz por muito tempo.

Ela ainda desmereceu os sonhos e a capacidade da vendedora do Brás: “Meu objetivo nesse jogo é muito forte e verdadeiro, é sobre meus filhos, e isso é mais forte que você faça. Qualquer coisa que você faça é nada perto disso. Aqui dentro eu me agarro no meu objetivo e você chega a ser invisível perto dele. Eu me preocupo em ganhar prova e foi assim que cheguei com esse colar. Só que você precisa ganhar para me incomodar. Enquanto você não ganha nada, você não me incomoda”.

 

Outras flechadas

Alane ainda aproveitou brechas na volta de Fernanda para alfinetar a rival, afirmando que ela fica trancada no quarto e não aparece no programa, o que a carioca rebateu dizendo que seu objetivo era mesmo interagir o mínimo possível com elas.

Isabelle e Matteus também fizeram discursos, mas sem o mesmo impacto. Matteus chamou atenção do comportamento de Juninho com as mulheres da casa, enquanto Isabelle flechou Yasmin Brunet por comandar um movimento de voto nela com a desculpa de que Davi estava imune, substituindo-o por ela na sua lista de ódio apenas pela amizade dela com o baiano.