Divulgação/AMC

The Walking Dead: Spin-off de Maggie e Negan bate recorde de audiência

O spin-off “The Walking Dead: Dead City” estreou nos Estados Unidos no último domingo (18/6) e já bateu recorde de audiência. Produzida pelo canal pago americano AMC, a série centrada em Maggie (Lauren Cohan) e Negan (Jeffrey Dean Morgan) se tornou a maior estreia do streaming da emissora, a AMC+, desde o lançamento do serviço em 2020. Entretanto, os números da audiência digital não foram revelados.

A AMC abriu, porém, os números televisivos. A série estreou com 1,12 milhão de telespectadores na TV paga, juntando os dados da emissora com as transmissões simultâneas. Ao longo dos três dias após a estreia, o episódio acumulou 2 milhões de espectadores. Desses 2 milhões, cerca de 768 mil eram na faixa de adultos de 25 a 54 anos, enquanto 573 mil estavam na faixa de adultos de 18 a 49 anos, segundo dados do Live+3.

“Com a maior estreia da história no AMC+, ‘Dead City’ atraiu um total de 1,12 milhão de espectadores! Esse é o maior lançamento para uma série dramática na TV a cabo neste ano!”, celebrou a emissora em uma publicação nas redes sociais da série.

De fato, “The Walking Dead: Dead City” se tornou o drama inédito mais assistido da televisão paga americana em 2023, e com larga vantagem. O 2º lugar é de outro título da AMC, “As Bruxas Mayfair” com 355 mil espectadores, seguido por “The Last of Us” da HBO com 353 mil. Por fim, a série “1883” da Paramount teve 311 mil espectadores e a sci-fi “The Ark” da Syfy fecha o Top 5 com 280 mil.

“Estamos emocionados com tantos espectadores se juntando a Maggie e Negan nas ruas de Manhattan para o primeiro episódio de ‘The Walking Dead: Dead City’”, disse Dan McDermott, presidente de entretenimento e AMC Studios em comunicado. “A emoção continua a partir daqui, e mal podemos esperar para que os fãs vejam todas as voltas e reviravoltas na cidade que nunca dorme. Acontece que os sobreviventes também não dormem”.

 
Mais séries derivadas de The Walking Dead

O canal AMC já havia anunciado planos para expandir o universo de “The Walking Dead” após o fim da série original. Com o encerramento em 2022, a emissora decidiu desenvolver três séries derivadas, onde cada uma acompanha uma dupla de personagens queridos dos fãs. Dentre as três, “The Walking Dead: Dead City” foi a primeira a estrear.

A trama começa com Maggie buscando ajuda de Negan para resgatar seu filho Hershel (Scott Wilson), numa jornada que os leva até a ilha de Manhattan, dominada por zumbis. Enquanto estão na cidade destruída, Maggie e Negan encontram nova-iorquinos nativos, fogem de um delegado complicado e perseguem o notório assassino responsável pelo rapto do jovem, que tem laços com o passado de Negan.

Além desse projeto, a trama de “The Walking Dead” vai continuar num spin-off de Daryl (Norman Reedus) passado na Europa – e que também contará com Melissa McBride reprisando seu papel como Carol. Por fim, na terceira atração que já está sendo gravada, a história será centrada em Rick (Andrew Lincoln) e Michonne (Danai Gurira).

“The Walking Dead: Dead City” ainda não tem previsão de estreia no Brasil.