Divulgação/Netflix

Stranger Things: Veja vídeos de 15 músicas da Parte 2

Depois do estouro de “Running Up That Hill”, de Kate Bush, a trilha sonora da Parte 2 de “Stranger Things 4” era tão esperada quanto os episódios finais.

A seleção de faixas, desta vez, pendeu para as músicas com sintetizadores – mas, ironicamente, sem nenhum exemplar do synthpop dos anos 1980.

E embora o “tema de Max” tenha voltado a tocar – assim como “Dream a Little Dream of Me”, de Ella Fitzgerald (o tema de Vecna) – , a música que mais marcou a trama foi o metal pesado de “Master of Puppets”, acompanhada na guitarra por Eddie Munson (o personagem de Joseph Quinn).

O clássico do Metallica também foi a única gravação de 1986 presente em toda a trilha dos capítulos 8 e 9 da atração. A trama se passa nesse ano, mas a maioria das músicas selecionadas saiu em anos anteriores – e algumas até posteriores a este período.

Como curiosidade, a última canção que toca, já nos créditos finais, acaba chamando atenção entre as gravações de pop antigo por pertencer a um estilo alternativo até então ignorado pela série, apesar de ter tudo a ver com a guinada de terror da fase atual: “Spellbound”, do disco mais gótico de Siouxsie and the Banshees.

Veja abaixo, pela ordem cronológica de seus lançamentos originais, as 15 músicas mais importantes dos dois episódios finais da 4ª temporada – disponibilizada na sexta (1/7) na Netflix.

 

| ELLA FITZGERALD | 1957 | DREAM A LITTLE DREAM OF ME

 
 

| JAMES TAYLOR | 1970 | FIRE AND RAIN

 
 

| CREEDENCE CLEARWATER REVIVAL | 1970 | UP AROUND THE BEND

 
 

| RICK DERRINGER | 1973 | ROCK ‘N’ ROLL HOOCHIE KOO

 
 

| SIOUXSIE AND THE BANSHEES | 1981 | SPELLBOUND

 
 

| OLIVIA NEWTON-JOHN | 1983 | TWIST OF FATE

 
 

| JOURNEY | 1983 | WORLD’S APART

 
 

| PAT BENATAR | 1983 | LOVE IS A BATTLEFIELD

 
 

| THE POLICE | 1983 | EVERY BREATH YOU TAKE

 
 

| TANGERINE DREAM | 1984 | RARE BIRD

 
 

| KATE BUSH | 1985 | RUNNING UP THAT HILL

 
 

| METALLICA | 1986 | MASTER OF PUPPETS

 
 

| MOBY | 1995 | WHEN IT’S COLD I’D LIKE TO DIE

 
 

| VANGELIS | 1996 | FIELDS OF CORAL

 
 

| PETER SANDBERG | 2019 | DEEP