Divulgação/EMI

Kate Bush agradece “Stranger Things” por resgatar sua carreira

Kate Bush está nas alturas, em mais de um sentido. Líder das paradas de sucesso do Reino Unido com “Running Up That Hill”, ela usou seu site oficial para agradecer aos irmãos Duffer, criadores de “Stranger Things”, por destacarem sua canção de 1985 na série.

“Os irmãos Duffer criaram quatro temporadas extraordinárias de ‘Stranger Things’ nas quais os atores mirins se tornaram jovens adultos. Nesta última, os personagens estão enfrentando muitos dos mesmos desafios que existem na realidade agora. Acredito que os Duffer tocaram o coração das pessoas de uma maneira especial, em um momento incrivelmente difícil para todos, especialmente os mais jovens”, ela escreveu.

“Ao apresentar ‘Running Up That Hill’ em uma luz tão positiva – como um talismã para Max (uma das principais personagens femininas) – , a música foi trazida para a arena emocional da história. Medo, conflito e o poder do amor estão ao redor dela e de seus amigos”, continuou.

“Eu saúdo os irmãos Duffer pela sua coragem – levando esta nova série para um lugar muito mais adulto e sombrio. Quero agradecê-los muito por trazer a música para a vida de tantas pessoas”, acrescentou. “Estou impressionada com a escala de afeto e apoio que a música está recebendo e tudo está acontecendo muito rápido, como se estivesse sendo conduzido por uma espécie de força elementar. Tenho que admitir que me sinto realmente comovida com tudo isso. Muito obrigado por tornar a música número 1 de uma maneira tão inesperada”, completou.

Esta já é a quarta mensagem postada pela cantora em seu site oficial sobre o sucesso da música, que não para de aumentar, e a mais eloquente ao fazer um agradecimento pessoal aos criadores de “Stranger Things”.

Desde a primeira semana de junho, quando a música ressurgiu nas paradas, a cada nova postagem ela compartilha sua incredibilidade com o sucesso inesperado. “A música está sendo respondida de muitas maneiras positivas. Eu nunca experimentei algo assim antes!”, escreveu na semana passada.

O motivo da nova manifestação foi a coleção de recordes comemorada por “Running Up That Hill” no fim de semana, quando atingiu o 1ª lugar no ranking da parada britânica. Graças à façanha, Kate Bush se tornou a mulher mais velha a liderar a parada de singles do Reino Unido (63 anos), com a música que levou mais tempo para atingir o 1ª lugar (37 anos) e após o maior tempo transcorrido desde que esteve no topo pela última vez – com “Wuthering Heights”, em 1978.

“Running Up That Hill” alcançou o 3ª lugar quando foi lançado originalmente no mercado britânico em 1985, mas não teve o mesmo sucesso nos EUA. Na época do single original, a gravação atingiu apenas a 30ª posição na parada da Billboard.

Essa posição também mudou drasticamente com sua redescoberta pelos fãs de “Stranger Things”. A canção reestreou em 8º lugar no início de junho e atualmente é a 4ª mais tocada da lista dos maiores sucessos dos EUA.

O sucesso renovado deve render mais de 1 milhão de libras a Kate Bush, que não era promovida por sua antiga gravadora há mais de uma década.

“Kate está a ponto de depositar uma quantia de sete dígitos graças ao seu ressurgimento”, disse uma fonte da indústria fonográfica ao jornal britânico The Sun. “Ela é dona de todos os direitos de publicação e licenciamento, e é a autora da música, então quase todo o dinheiro vai para ela. Dada a tração da música, Kate vai facilmente ganhar 250 mil libras por semana.”

Criadores da atração da Netflix, os irmãos Matt e Ross Duffer já adiantaram que a música de Kate Bush voltará a tocar num “momento épico” do final da temporada, o que deve manter o revival da canção no topo por mais alguns dias.