Twitter/Ludmilla

Indicada a prêmio internacional, Ludimilla reclama da falta de apoio

A cantora Ludmilla foi indicada ao BET Awards 2022, importante premiação da cultura negra dos Estados Unidos – a BET é uma espécie de MTV black e está disponível no Brasil na programação de streaming da Pluto TV.

Única representante do Brasil na disputa, ela concorre na categoria de Melhor Artista Internacional. A cerimônia de premiação está marcada para o dia 26 de junho.

Usando as redes sociais para comentar a indicação, Ludmilla destacou um tuite que comentou a falta de apoio e a negatividade dos haters, que em vez de comemorarem a realização de uma artista brasileira decidiram atacá-la por suas conquistas.

“Ludmilla indicada numa premiação gringa e um monte de gente torcendo contra. Tipo, é produto do Brasil recebendo honra e mérito lá fora, elevando a nação como potência cultural, e tem gente torcendo contra?”, escreveu o perfil Copiobética, que a cantora decidiu comentar, como ponto de partida para um desabafo.

Ela apontou que não foi a primeira vez que sofreu descaso e que isso tem machucado muito, apesar de sempre buscar forças para seguir em frente.

“Nesses 10 anos [de carreira], eu já chorei e já me perguntei muito qual o motivo de receber tão pouco apoio do país que eu tanto amo e que eu dediquei todos esses anos pra criar e dividir a minha arte. Mas mesmo assim, segui fazendo o que eu amo e compartilhando amor através da minha música”, afirmou.

“Seria incrível ter mais apoio no Brasil, poder vibrar mais [com] as minhas conquistas sem precisar me limitar por conta de ataques ou pessoas tentando me desestimular ou (me fazer) desistir. Pode parecer que do lado de cá não dói, não é perceptível e que não afeta. Mas, porr*, machuca e muito”, reclamou.

Por fim, Ludmilla disse que fará sua comemoração por conta própria. “O que eu decidi é: não tem apoio? Eu vou sem apoio mesmo. No Brasil não tá rolando? Fora tem um monte de gente interessada na nossa cultura e no nosso talento. ‘Numanice’ tá na rua bombando, meus shows estão esgotando e o mais importante: eu tô feliz pra porr*”, completou.