Instagram/J.K. Rowling

J.K. Rowling promete doar até R$ 6,6 milhões para órfãos da Ucrânia

A escritora britânica J.K. Rowling, criadora da saga literária de “Harry Potter”, entrou em campanha por doações para ajudar as crianças dos orfanatos da Ucrânia e prometeu igualar o montante doado em até 1 milhão de libras (o equivalente a R$ 6,6 milhões).

A escritora retuitou um pedido da Fundação Lumos, que ela cofundou em 2005 e que atualmente arrecada fundos para entregar alimentos, materiais de higiene e remédios aos afetados pela crise humanitária na Ucrânia, após o país ser invadido por ataque militar da Rússia.

“Eu igualarei pessoalmente as doações que responderem a este apelo, até £ 1 milhão”, prometeu Rowling, que agradeceu às pessoas que já doaram para a fundação. “Vocês estão permitindo que a Lumos faça um trabalho crucial para algumas das crianças mais vulneráveis ​​da Ucrânia”, acrescentou.

Em seu site, a Lumos explica que trabalha na região de Zhytomyr – ao oeste da capital Kiev -, uma área onde, antes da invasão russa, mais de 1.500 crianças viviam em orfanatos.

Quase 100 mil crianças vivem em instituições em toda a Ucrânia, afirma a fundação.

“A invasão das forças russas significa que agora há mais crianças em perigo”, advertiu a Lumos, que com seus esforços pretende ajudar os menores de idade deslocados e traumatizados pelo conflito.