Divulgação/Globo

BBB já puniu desistência de prova de resistência com perda de liderança

As críticas à organização do “BBB 22” atingiram um novo recorde de manifestações negativas ao longo da prova de resistência exibida entre a madrugada e o fim da tarde desta sexta (24/3).

Tudo começou quando o público apontou que a cantora e atriz Linn da Quebrada, a Lina, estaria recebendo um jato de água mais fraco que os demais participantes. O fato também foi comentado pelos concorrentes durante a prova.

Ao final, quando restavam apenas quatro integrantes, três desistiram juntos da competição para deixar Lina ser a vencedora, fazendo com que ela se tornasse a primeira travesti a conquistar uma liderança numa edição do “BBB”.

A decisão só aumentou as reclamações. Boninho, produtor do programa, publicou um vídeo nas redes sociais para chamar de “muito bacana” a atitude do final da prova. E o vídeo foi imediatamente atacado por inúmeros comentários lembrando que o “BBB” já desconsiderou resultados obtidos desta forma.

Diante do elogio de Boninho, multiplicaram-se postagens da desclassificação ocorrida no “BBB 8”, que tirou de Alexandre Scaquette, o Xandão, a liderança conseguida em comum acordo com outros participantes, para consagrar Thalita Lippi, a última a desistir pra valer, como líder de fato.

O último a desistir da prova desta sexta, antes do acordo entre os quatro finalistas, foi Lucas Bissoli. Caso a regra conhecida seja mantida, evitando controvérsias sobre suposto favorecimento a Lina, ele se tornará líder pela terceira vez no programa. Caso isso não aconteça, ficará flagrante o favorecimento a Lina no “BBB 22”.

Embora muitos apontem que a desistência de Pedro Scooby, Paulo André Camilo e Douglas Silva tenha sido uma boa ação, ela só aconteceu após acordo com Lina para ela não enviá-los ao paredão. Em 2008, um acerto entre os concorrentes também deu a vitória a Xandão. Eles decidiram na sorte. Segundo o apresentador Pedro Bial, a prova pela liderança teria sido “burlada” na ocasião, porque se tratava de resistência. Os três desta quinta não desistiram numa aposta de sorte, mas também não seguiram o critério da resistência.

A controvérsia só aumenta a expectativa para a edição ao vivo do programa desta noite, onde o líder será oficializado.