Instagram/Michael K. Williams

Quatro suspeitos são presos pela morte do ator Michael K. Williams

Quatro homens foram presos e acusados de envolvimento na morte por overdose de Michael K. Williams (“Lovecraft Country”) no ano passado.

A análise do legista concluiu que o ator morreu de “intoxicação aguda” pelos efeitos combinados de drogas, incluindo o poderoso analgésico fentanil, heroína e cocaína.

Nesta quarta (2/2), a promotoria de Nova York anunciou a prisão de quatro suspeitos da distribuição e venda da droga “batizada” que matou Williams.

Um dos suspeitos, Irvin Cartagena, foi preso em Porto Rico sob a acusação de traficar heroína com fentanil. Já Hector Robles, Luis Cruz e Carlos Macci, moradores do Brooklyn, em Nova York, foram detidos por participar do comércio das drogas.

“Esta é uma crise de saúde pública. E tem que parar. Opioides mortais como fentanil e heroína não se importam com quem você é ou o que você realizou”, disse o promotor Damian Williams em comunicado sobre o caso.