Divulgação/Comedy Central

“Futurama” vai voltar com episódios inéditos

Quase 10 anos depois de chegar ao fim, a animação “Futurama” vai ganhar um revival com 20 novos episódios, produzidos para a plataforma americana de streaming Hulu.

Será o segundo retorno da série, que teve suas primeiras cinco temporadas exibidas na rede Fox entre 1999 e 2003, antes de ser cancelada e revivida por mais três temporadas, de 2008 a 2013, no canal pago Comedy Central.

Após um longo período de negociação, os dubladores originais Billy West (Fry) e Katey Sagal (Leela), juntamente com outros atores que deram voz a vários personagens da série, retornarão à dublagem. A única pendência é com John DiMaggio, a voz do robô Bender, que não aceitou a proposta, mas deve retomar as negociações.

A produção também voltará a ser comandada por David X. Cohen e Matt Groening, criadores do desenho.

“Estou emocionado por ter outra chance de pensar sobre o futuro… ou realmente qualquer coisa que não seja o presente”, disse Cohen, em comunicado.

Também criador de “Os Simpsons”, Groening acrescentou: “É uma verdadeira honra anunciar o retorno triunfante de ‘Futurama’ mais uma vez, antes de sermos cancelados abruptamente novamente.”

“Futurama” foi a primeira animação de temática sci-fi a fazer sucesso com humor adulto, antecipando a febre de desenhos do gênero, que nos últimos anos rendeu de “Ricky & Morty” a “Star Trek: Lower Decks”. A trama é centrada no entregador de pizza Philip Fry, que é acidentalmente congelado e acorda mil anos depois, aprendendo a viver num futuro bizarro, com alienígenas, robôs e uma civilização que não compreende.

A produção dos novos capítulos vai começar neste mês, visando uma estreia em 2023.

Os desenhos da Hulu tem sido lançados no Brasil na plataforma Star+.