Divulgação/Record

Expulsão de Nego do Borel de “A Fazenda” vira notícia internacional

Expulso do reality show “A Fazenda” no fim de semana, sob acusação de estupro de vulnerável, Nego do Borel virou notícia internacional. A repercussão do caso, em que o cantor teria se aproveitado da embriaguez de Dayane Mello, ganhou destaque principalmente na Itália, país em que a modelo ficou conhecida ao ser uma das finalistas do “Grande Fratello VIP”, a versão italiana do “Big Brother”.

O jornal Libero Quotidiano, publicado em Milão, ouviu ex-colegas de confinamento da artista que criticaram o comportamento do cantor. O jornal também utilizou manchetes críticas, classificando o ato como “horror”, “vídeos chocantes” e dedicou uma reportagem ao “que não foi ao ar na TV”.

O Il Giornale noticiou o caso falando sobre “fortes investidas” de Nego do Borel contra a modelo e incluiu o posicionamento crítico de ex-participantes do “Grande Fratello Vip”, que torciam por uma intervenção jurídica no caso.

E um dos principais jornais do país, o Corriere Della Sera, noticiou o escândalo com o título “Dayane Mello é assediada ao vivo: Nego do Borel é desclassificado”. O diário destacou que a decisão da Record em eliminar o cantor aconteceu após intensa pressão das redes sociais e da repercussão na mídia. O texto fala que os advogados da modelo estão “prontos para a batalha”.

Com isso, o reality show da Record também ganhou fama mundial. A pior possível.