Divulgação/Showtime

Diretor do Showtime diz que retomou “Dexter” para consertar final da série

Durante encontro com a TCA (Associação de Críticos de TV dos EUA), o presidente de entretenimento do canal pago Showtime, Gary Levine, disse que se dedicou a trazer “Dexter” de volta para consertar o final da série, exibido em 2013.

“Dexter é uma joia na coroa do Showtime, e eu sei que não fizemos justiça a ela no final”, contou o executivo.

Levine admitiu que o desfecho da trama original sempre foi “uma pedra em seu sapato”, e que tenta há anos retomar a produção para “dar a série o final que ela merece”, comentou.

“Demoramos muito tempo para achar a maneira certa de fazer isso, para que Michael [C. Hall] aceitasse voltar ao papel, além de Clive [Phillips] no roteiro. Mal posso esperar para mostrar a nova temporada aos fãs”, ele apontou.

Para quem não lembra, a série original durou oito temporadas e terminou em 2013 com Dexter Morgan fingindo a própria morte para se afastar de todos. A última cena revelava que ele tinha assumido a identidade de um lenhador e se escondido numa floresta, vivendo uma vida solitária.

A continuação foi batizada de “Dexter: New Blood” e contará com apenas 10 capítulos, comandados pelo showrunner original, Clyde Phillips, que produziu as primeiras quatro temporadas da atração – as mais prestigiadas, que receberam três indicações ao Emmy de Melhor Série de Drama e quatro indicações ao troféu do Sindicato dos Roteiristas (WGA Awards) na mesma categoria.

Michael C. Hall, por sua vez, recebeu cinco indicações consecutivas ao Emmy por interpretar Dexter, vindo a ganhar o Globo de Ouro e o prêmio do Sindicato dos Atores (SAG Awards) pelo papel em 2010. Depois da série, nenhum dos novos projetos do ator teve o mesmo sucesso, o que explica o retorno.

Além dele, a produção trará de volta Jennifer Carpenter (a Debra) e John Lithgow (o serial killer Trinity) em participações especiais.

A estreia está marcada para 7 de novembro nos EUA.

A atração será exibida no Brasil pela plataforma Paramount+.

Veja abaixo o primeiro trailer divulgado do revival.