Divulgação/Magali Morais

Carlinhos Brown vai ganhar série documental

A carreira de Carlinhos Brown vai ser transformada numa série, que também examinará a ancestralidade do artista baiano. Intitulada “Carlinhos Brown, Batuque Ancestral” a série terá quatro episódios e vai mergulhar em dois séculos de história para remontar os caminhos que formaram o artista.

A partir de depoimentos, imagens de arquivo e trechos de animação, a série pretende relacionar a infância humilde do cantor e sua alfabetização aos 16 anos com os obstáculos que seus antepassados tiveram que enfrentar.

A pesquisa traça desde um tataravô jurista que fugiu da Bahia suspeito de participar da Sabinada, deixando para trás um filho bastardo — bisavô de Brown — até chegar à ascensão do músico ao estrelato.

As gravações começam no ano que vem em coprodução internacional da Giros Filmes e da americana Wild House, com direção geral de Belisário Franca, codiretor de “Revolta dos Malês”.

A Wild Horse Pictures esteve à frente de um projeto sobre samba que Carlinhos Brown gravou junto com Gloria Estefan para a Netflix, o que pode indicar para qual plataforma o projeto está sendo desenvolvido.