Divulgação/Netflix

Netflix cancela quatro séries de comédia

A Netflix cancelou discretamente, sem anunciar, quatro séries americanas de comédia de seu catálogo.

A lista contém “Pit Stop” (The Crew), estrelada por Kevin James (“O Rei do Queens”) e “Família em Concerto” (Country Comfort), com a ex-“American Idol” Catherine McPhee, ambas canceladas na 1ª temporada, a convencional “Professor Iglesias” (Mr. Iglesias), que durou três anos, e a provocante “Amizade Dolorida” (Bonding), que teve duas temporadas elogiadíssimas pela crítica.

Premiada no Outfest, festival de cinema LGBTQI+ de Los Angeles, “Amizade Dolorida” era passada no mundo do sexo BDSM, o que inclui práticas consensuais envolvendo bondage e disciplina, dominação e submissão (sadomasoquismo, fetiches e etc). A trama girava em torno Tiff (Zoe Levin, de “O Verão da Minha Vida”), estudante universitária durante o dia e dominatrix à noite, e Pete (Brendan Scannell, de “Heathers”), seu melhor gay que vira o seu assistente.

Criada por Kevin Hench (“Last Man Standing”), “Professor Iglesias” era uma sitcom tradicional, estrelada pelo comediante de stand-up Gabriel “Fluffy” Iglesias. Ele também é o Iglesias da ficção, um professor que dá aulas na antiga escola onde estudou, tentando fazer a diferença na vida dos seus alunos desajustados, porém cheios de talento.​

“Família em Concerto” trazia Katharine McPhee como uma jovem aspirante a cantora country, que aceita trabalhar como babá para os cinco filhos do vaqueiro vivido por Eddie Cibrian (“CSI: Miami”). Para sua surpresa, ela também encontra nessa família a banda que precisava para trilhar o caminho para a fama.

Por fim, “Pit Stop” era um desastre completo. A sitcom à moda antiga, que incluía risadas da audiência para piadas nem sempre engraçadas, tinha roteiro e produção de Jeff Lowell, com bastante experiência no gênero – trabalhou em “The Drew Carey Show”, “Spin City”, “Dois Homens e Meio” (Two and a Half Men) e “O Rancho” (The Ranch). Na série, o antigo entregador de cargas de “O Rei do Queens” vivia o chefe de uma equipe da Nascar (circuito de corrida de carros dos EUA), que era surpreendido pela promoção de uma mulher jovem (Jillian Mueller, de “Sedutora e Infernal”) como sua chefe. A premissa sexista foi repudiada pela crítica, levando a produção a atingir apenas 37% de aprovação no Rotten Tomatoes.

Mesmo assim, a Netflix fechou um novo contrato com Kevin James para ele estrelar e desenvolver uma nova sitcom tradicional.

A plataforma também fechou acordo similar com o criador de “Amizade Dolorida”, Rightor Doyle, e já tem outro projeto com Gabriel Iglesias em andamento na área de especiais de stand-up.

Lembre abaixo as atrações canceladas com a ajuda de seus trailers originais.