Divulgação/Hallmark

“Good Witch” é cancelada após sete temporadas

O canal pago americano Hallmark cancelou a série “Good Witch” após sete temporadas. A atração tinha uma audiência fiel, que rendia mais de 2 milhões de telespectadores ao vivo, e vai exibir seu último episódio no dia 25 de julho.

A produção era uma extensão da franquia de telefilmes “A Bruxa do Bem” (The Good Witch), iniciada em 2008 e que antes da série já tinha rendido sete longas produzidos pelo Hallmark.

Assim como nos filmes, a atração era estrelada por Catherine Bell (série “Army Wives”) no papel da feiticeira Cassie Nightingale. Ela se manifestou nas redes sociais, agradecendo a experiência.

“Sou muito grata por 7 temporadas… e 13 anos (de filmes) de ‘Good Witch’, trabalhando com os mais gentis e talentosos elenco e equipe, produtores, rede! Sempre me senti como numa família”, escreveu Bell em suas redes sociais, após o anúncio do final da produção.

Ela também comentou a personagem-título afetou sua vida pessoal pela postura de ser “sempre positiva, inspiradora e edificante”. “Ela me inspirou a ser uma pessoa melhor, a ser mais gentil, amorosa e receptiva”.

E completou dizendo que, assim como os fãs, vai sentir falta da série. “Mas estou definitivamente sorrindo porque ela aconteceu.”

Os responsáveis pela série eram o diretor Craig Pryce, que dirigiu os telefilmes originais, e a roteirista Sue Tenney, da série clássica “Sétimo Céu” (7th Heaven). E o elenco ainda destacava James Denton (de “Desperate Housewives”), como o vizinho charmoso, Bailee Madison (“The Fosters”) como filha adolescente da bruxa, que saiu da série no final da 5ª temporada ao “ir para a faculdade”, além da recente inclusão de Katherine Barrell (“Wynonna Earp”) como a primeira personagem LGBTQIA+ do conservador canal Hallmark.

No Brasil, as cinco primeiras temporadas foram disponibilizadas pela Netflix.