Divulgação/NBC

Jonathan Rhys Meyers é preso após sofrer acidente de carro embriagado

Jonathan Rhys Meyers foi preso no domingo por dirigir alcoolizado, após sofrer um pequeno acidente de carro em Malibu, Califórnia.

Os policiais que atenderam a ocorrência administraram um teste de sobriedade, no qual ele falhou, e o ator foi preso por contravenção – dirigir sob influência alcoólica.

Ele já foi libertado da custódia, disse um porta-voz do Departamento do Xerife de Los Angeles.

Conhecido por papéis em “Velvet Goldmine”, “Missão: Impossível III”, “Ponto Final: Match Point” e as séries “The Tudors”, “Dracula” e “Vikings”, o ator irlandês de 43 anos há muito luta contra o álcool.

Meyers tem sido franco sobre o assunto, falando abertamente sobre o tempo que passou em reabilitação, numa jornada que começou há mais de 13 anos, e sobre o fato de já ter se internado em três clínicas diferentes num mesmo ano.

O ator já chegou a ter problemas com autoridades policiais por causa da bebida.

Em 2009, ele acabou detido durante um incidente de embriaguez no aeroporto Charles de Gaulle, em Paris. No ano seguinte, foi banido para sempre da United Airlines após ser “beligerante” enquanto embriagado no Aeroporto John F. Kennedy de Nova York. Em 2018, foi detido novamente no Aeroporto Internacional de Los Angeles, após uma “altercação verbal” com sua esposa, Mara Lane, enquanto viajavam para casa após um tratamento holístico para problemas de raiva.