Reprodução/Instagram

Christina Ricci pede divórcio após denunciar agressão do marido

A atriz Christina Ricci, até hoje lembrada por filmes dos anos 1990 como “A Família Addams” e “A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça”, entrou com um pedido de divórcio do produtor James Heerdegen por ter sofrido agressão.

A notícia surgiu na imprensa americana no começo da tarde desta quinta (2/7), quando veio à tona uma ordem de restrição na justiça americana contra Heerdegen. De acordo com o processo judicial, obtido pelo site TMZ, ele teria agredido a atriz na residência do casal.

Segundo apurou o site, há cerca de uma semana, a polícia foi chamada para a casa do casal por conta de uma briga entre eles. Apesar do chamado, Heerdegen não foi preso, mas a Justiça garantiu a ordem de restrição, impedindo que ele entrasse em contato com Ricci por qualquer meio.

Eles se conheceram em 2011, nos bastidores da série “Panam”, em que Heerdegen trabalhou como dolly grip (um dos operadores de câmera). A relação virou matrimônio em 2013, em Nova York, e eles tiveram um filho juntos, Freddie, de 5 anos.

A atriz contratou a advogada Samantha Spector, uma das mais famosas de Hollywood, para cuidar de seu caso. Foi a mesma profissional que lidou com a separação de Amber Heard e Johnny Depp. Além disso, ela também contratou Jenna Dawn, especialista em casos envolvendo violência doméstica e guarda de crianças.

Na documentação apresentada em um tribunal de Los Angeles, Christina afirmou ter “diferenças irreconciliáveis” com o marido como motivo para solicitar o divórcio. Além disso, pediu a guarda exclusiva do filho.