Ex-mulher de Elton John entra com processo legal contra o cantor na Inglaterra

A ex-mulher do cantor Elton John, Renate Blauel, iniciou um processo legal na Inglaterra contra o ex-marido. Ainda sem motivação conhecida, os documentos da ação foram preenchidos na semana passada, segundo o jornal The Guardian. O advogado dela confirmou a existência da ação.

Com poucas aparições na mídia desde o divórcio em 1988, Blauel é uma engenheira de som alemã que conheceu o cantor em 1983, enquanto ele gravava “Too Low for Zero”, seu álbum de retorno. Eles se casaram no ano seguinte.

A relação e o término foram conturbados, envolvendo a então escondida homossexualidade de Elton.

O cantor só assumiu sua sexualidade tempos depois da separação e atualmente ele é casado com David Furnish, com quem tem dois filhos.

O relacionamento foi abordado de forma ligeira no filme sobre sua vida, “Rocketman”, sucesso de bilheterias do ano passado, em que Renate foi vivida pela holandesa Celinde Schoenmaker, mas Elton escreveu em sua autobiografia: “Eu quebrei o coração de alguém que amava e que me amava incondicionalmente, alguém que eu não podia culpar de forma alguma. Apesar de toda a dor, não havia ressentimento envolvido. Nos anos seguintes [do divórcio], sempre que acontecia algo comigo, a imprensa aparecia na porta dela, tentando fazê-la me expor, soltar alguma fofoca, e ela nunca nem lhes pediu para deixá-la em paz”.

“Eu a vi uma vez depois que nos divorciamos… Quando tive filhos, convidei-a para [a casa de John em] Woodside, porque queria que ela os conhecesse. Eu queria vê-la, queria que ela fizesse parte de nossas vidas, e nós, parte da dela, de alguma forma. Mas ela não quis, e eu não insisti no assunto. Eu tenho que respeitar como ela se sente.”