Série UnReal vai ganhar versão brasileira

A série “UnReal”, que aborda os bastidores de um reality show de namoro, vai ganhar remake brasileiro. A A+E Networks International vendeu os direitos da série para produtora Floresta Produções (“Lady Night”, “Shark Tank Brasil”), que pretende desenvolver uma versão nacional para a Sony.

O acordo marca a primeira venda de scripts da A+E na América Latina.

“UnReal” durou quatro temporadas e acompanhava os bastidores de um reality show de relacionamentos ao estilo de “The Bachelor”, revelando as manipulações dos produtores em busca de audiência, que geralmente deixam muitos efeitos colaterais. O elenco era encabeçado por Shiri Appleby e Constance Zimmer como as produtoras principais do programa.

Criada por Marti Noxon e Sarah Gertrude Shapiro em 2015, “UnReal” foi um grande sucesso de crítica em sua 1ª temporada, recebendo duas indicações ao Emmy – inclusive de melhor atriz coadjuvante para Constance Zimmer. Entretanto, disputas internas entre as duas criadoras causaram grande fricção na 2ª temporada. A decisão de Noxon de se afastar resultou numa temporada polêmica, com tramas de puro sensacionalismo. Assim, a credibilidade conseguida foi colocada em cheque.

Para complicar mais, o canal adiou a estreia da 3ª temporada em quase dois anos, criando um hiato grande o suficiente para o público esquecer da atração, o que fez com que a audiência desabasse. Para completar a auto-sabotagem, a 4ª temporada foi licenciada para a plataforma Hulu, que decidiu lançar o material inteiro de uma vez, apenas três meses após a exibição do terceiro ano na TV paga. A Lifetime, que ainda não tinha exibido o quarto ano, resolveu, então, desistir da série.