Joaquin Phoenix trocou festas do SAG Awards por vigília contra matadouro de porcos

Vegano desde criança e ativista atuante da causa animal, o ator Joaquin Phoenix trocou as festas badaladas do SAG Awards por uma participação num protesto contra um matadouro de porcos em Los Angeles. Após vencer o troféu do Sindicato dos Atores dos EUA, por seu papel em “Coringa”, Phoenix fez uma rápida passagem pela festa da revista People e pulou todos os demais eventos que o esperavam, preferindo se juntar a outros militantes numa vigília organizada pela ONG LA Animal Save, que ele frequenta com assiduidade.

Sem trocar de roupa, ele apareceu com traje de gala, o mesmo que usou ao receber o SAG Award de Melhor Ator do ano, para pegar mangueiras de água e dar de beber a porcos que estavam presos em caminhões de um frigorífico.

Uma ativista que transmitia ao vivo a manifestação pediu para o ator explicar porque ele resolveu aparecer lá, em vez de celebrar sua vitória com os demais atores de Hollywood.

“Eu vim aqui porque eu preciso vir. A maioria das pessoas não sabe sobre as torturas e assassinatos da indústria [agropecuária]. E eu acho que nós temos a obrigação de falar sobre isso e expor o que a indústria realmente é. Nós somos bombardeados com essas imagens de animais felizes em fazendas e todo tipo de publicidade e isso é uma mentira. Eu acho que as pessoas precisam saber a verdade. E eu acho que é nossa obrigação expor isso e é por isso que eu tenho que vir aqui”, disse Joaquin.

Veja abaixo o vídeo integral da manifestação. Joaquin Phoenix aparece após os 16 minutos.