Frank Miller fecha contrato para transformar Sin City em série

O autor de quadrinhos Frank Miller fechou contrato com o estúdio Legendary para transformar “Sin City” numa série. Os quadrinhos de Miller já foram adaptados em dois filmes de 2005 e 2014, e agora ganharão uma série live-action, além de uma animação que servirá como prelúdio à obra.

A Legendary também está negociando com o cineasta Robert Rodriguez, que dirigiu as duas adaptações cinematográficas ao lado de Miller, para participar do projeto. Os dois atuariam como produtores-executivos da série live-action.

O acordo prevê a produção de uma 1ª temporada, mas depende de contrato com um canal ou plataforma de streaming para viabilizar o negócio. Este será o próximo passo da Legendary, após assegurar a participação das partes criativas da série.

A história original de “Sin City” foi publicada de forma serializada ao longo de 13 edições, entre 1991 e 1992, mas outras minisséries no mesmo universo foram posteriormente acrescentadas, sem ordem cronológica, até o ano 2000 por Miller. O material rendeu ao todo sete volumes encadernados de graphic novels, que lidam com diferentes personagens de um submundo corrupto e ultraviolento, inspirado pelos filmes e romances noir dos anos 1940, com um visual estilizado que transporta a ação para cenários contemporâneos.

Vale lembrar que “Sin City” quase virou série na época do lançamento do segundo filme. O hoje execrado produtor Harvey Weinstein, que produziu as adaptações cinematográficas, pretendia desenvolver uma série após a estreia de “Sin City: A Dama Fatal”, mas a sequência não repetiu o sucesso do primeiro longa nas bilheterias e o projeto acabou arquivado.