Diretor de Rocketman e criador de The Walking Dead desenvolvem novo filme de Drácula

A Universal começou a desenvolver um novo filme baseado em seu arsenal de monstros clássicos. O diretor Dexter Fletcher (“Rocketman”) e o roteirista Robert Kirkman (criador dos quadrinhos de “The Walking Dead”) estão à frene de uma nova adaptação do universo de “Drácula”, romance de Bram Stoker publicado em 1897.

Desta vez, porém, o filme é batizado com o nome de outro personagem: “Renfield”, um dos coadjuvantes menos importantes da história, e que é mais lembrado devido à interpretação maníaca de Dwight Frye em “Drácula”, o clássico de 1931 da própria Universal.

Para quem não lembra, Renfield era um seguidor de Drácula, que acaba trancafiado num hospício por sua obsessão em beber sangue e se alimentar com insetos e ratos. O personagem também foi vivido pelo cantor Tom Waits na adaptação do romance de Bram Stocker dirigida por Francis Ford Coppola em 1992.

O projeto é descrito como uma comédia – o que coincide com a interpretação hilária de Frye. E será realizado ao estilo de um mockumentary (documentário falso), mostrando como Renfield descobre que está num relacionamento ruim e co-dependente. A premissa lembra o tom de “O Que Fazemos nas Sombras” (2014), falso documentário de vampiros de Taika Waititi.

O criador de “The Walking Dead” foi quem propôs o projeto, mas não é ele quem assina o roteiro final. A história está sendo escrita por Ryan Ridley, que trabalhou na série de comédia “Ghosted” e na animação “Rick & Morty”.

Além de ser creditado pela história, Kirkman também será coprodutor do filme, via sua empresa Skybound Entertainment.

Os próximos filmes de monstros clássicos da Universal são “O Homem Invisível”, de Leigh Whannell (“Sobrenatural: A Origem”), que já revelou um trailer impactante, e “Dark Army”, de Paul Feig (“Um Pequeno Favor”). O primeiro estreia em fevereiro e o segundo não tem previsão de lançamento.

Recorde abaixo as cenas de Renfield (Dwight Frye) em “Drácula” (1931).