Selena Gomez assina documentário e crítica contra política de imigração dos Estados Unidos



A cantora, atriz e produtora Selena Gomez (“Um Dia de Chuva em Nova York”), normalmente discreta sobre suas posições políticas, escreveu um artigo para a revista Time para destacar o orgulho que sente de sua origem mexicana e de todas as dificuldades que sua família de imigrantes enfrentou nos Estados Unidos.

O testemunho foi a maneira escolhida por Selena para criticar a política de imigração do governo de Donald Trump, que também a motivou a produzir a série documental “Realidade Não Documentada” (Living Undocumented), disponibilizada na quarta-feira (2/10) na Netflix.

“Como mulher mexicana-americana, eu sinto a responsabilidade de usar a minha plataforma e a minha voz pelas pessoas que têm medo de falar”, escreveu a estrela.

“Nos anos 1970, minha tia cruzou a fronteira do México para os Estados Unidos escondida na traseira de um caminhão. Minha avó a seguiu, e meu pai nasceu no Texas logo depois. Em 1992, eu nasci uma cidadã americana graças à bravura e ao sacrifício deles.”

Selena explicou que seus familiares estão há mais de quatro décadas lutando para conseguir a cidadania americana, e que ela agradece por não ter precisado passar por essa burocracia.

“Mas quando eu leio as manchetes dos jornais e vejo esses debates sobre a raiva contra imigrantes nas mídias sociais, eu sinto medo por todos que estão nessa situação. Sinto medo pelo meu país”, salientou.



Gomez acredita que a imigração é um tema que vai além da política, é uma “questão humana que afeta pessoas reais, que desmantela vidas reais”.

Ela também citou a série “Realidade Não Documentada”, com histórias de famílias de imigrantes e refugiados, que vivem com medo nos Estados Unidos por poderem ser deportados.

“Uma das meninas disse que deseja estudar design de interiores e conta que passou a sua vida inteira sentindo medo”, relatou. “Ela conta que foi assaltada de forma violenta na semana passada, mas teve medo de chamar a política. Ela não queria que eles descobrissem a situação ilegal de seus pais”.

Veja abaixo o trailer da série “Realidade Não Documentada”, produzida por Selena Gomez – sem legendas, porque a Netflix brasileira nem divulgou o projeto.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings