Jane Fonda é presa em protesto político pela segunda vez


A atriz Jane Fonda foi presa pela segunda vez nos últimos dias ao participar de um protesto em frente ao prédio do Capitólio, em Washington, capital dos Estados Unidos. Na semana passada, ela já havia sido detida em um ato semelhante.

Desta vez, Fonda estava acompanhada de um colega do elenco da série “Grace and Frankie”, o ator Sam Waterston, que também é conhecido por seu papel em “Law & Order”. Os dois foram presos no protesto.

Segundo declaração da porta-voz do Capitólio, as acusações contra Fonda, Waterston e os outros 15 indivíduos detidos hoje são as mesmas da semana passada: “aglomeração, obstrução e importunação”.

Os atores estavam protestando ao lado do grupo Oil Change International, exigindo mudanças nas políticas norte-americanas de preservação do meio-ambiente. Fonda, que completa 82 anos em dezembro, prometeu comparecer todas as sextas-feiras ao Capitólio até que atitudes sejam tomadas pelo governo. Ela se disse “inspirada e encorajada pelo incrível movimento [contra o aquecimento global e as mudanças climáticas] criado pela nossa juventude”.



Duas vezes vencedora do Oscar, a atriz que atualmente estrela a série “Grace and Frankie” na Netflix, foi bastante militante em sua juventude. Em novembro, vai fazer 49 anos que ela foi presa pela primeira vez por motivos políticos, após participar de protestos contra a Guerra do Vietnã.

Ela foi detida no aeroporto de Cleveland, ao voltar de uma manifestação, sob a acusação de tráfico de drogas, mas testes nas pílulas encontradas em sua mala comprovaram que elas eram apenas vitaminas. Na época, Fonda disse que os policiais que a prenderam disseram estar agindo “sob ordens da Casa Branca de Richard Nixon”.

A foto de Fonda na cadeia, com o punho erguido, se tornou uma das imagens mais conhecidas e reproduzidas de sua trajetória pública.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings