blank

Titãs: Trailer da 2ª temporada tem Bruce Wayne, Aqualad, Superboy e Exterminador



A plataforma DC Universe divulgou um pôster e o primeiro trailer da 2ª temporada de “Titãs”, que revela vários personagens novos e a data de estreia dos episódios nos Estados Unidos.

A prévia começa mostrando a versão mais velha de Bruce Wayne, vivida por Iain Glen (o Jorah de “Game of Thrones”), e revela uma formação do grupo de heróis mais próxima da primeira fase dos quadrinhos, publicada nos anos 1960, com Rapina (Alan Ritchson, da série “Blood Drive”), Columba (Minka Kelly, da série “Friday Night Lights”), Moça-Maravilha/Donna Troy (Conor Leslie, de “The Man in the High Castle”) e o estreante Aqualad (Drew Van Acker, de “Pretty Little Liars”) ao lado de Robin (Brenton Thwaites, de “Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar”). (Detalhe: faltaram Kid Flash e Ricardito (Speedy)/Arsenal para refletir com exatidão a Turma Titã clássica, ironicamente os personagens que já apareceram no Arrowverso).

Esta formação leva Ravena (Teagan Croft, da novela “Home and Away”) a questionar Robin: “Quem nós somos, Titãs 2.0?” – frase que sugere que as cenas do outro grupo sejam flashback. Os demais Titãs da série – os Novos Titãs dos anos 1980 – incluem ainda Estelar (Anna Diop, da série “24: Legacy”) e Mutano (Ryan Potter, da série “Supah Ninjas”, do Nickelodeon).

Para completar, também há a volta do segundo Robin, Jason Todd (Curran Walters, de “Mulheres do Século 20”), uma cena de Superboy (o novato Joshua Orpin) com Krypto e a presença imponente do vilão Exterminador (Esai Morales, de “How to Get Away with Murder”), que será acompanhado na trama por seus filhos Devastadora (Chelsea T. Zhang, de “Andi Mack”) e Jericó (o modelo transexual Chella Man).



São muitos personagens. E, ao contrário da 1ª temporada, que buscou um tom mais realista, a maioria aparece com uniformes coloridos e vistosos, num clima carnavalesco típico dos quadrinhos.

A 2ª temporada vai estrear em 6 de setembro na plataforma americana de streaming da DC Comics e será disponibilizada no Brasil pela Netflix após seu último episódio ir ao ar nos Estados Unidos – o que só deve acontecer no começo de 2020.

blank



blank

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings