Trailer de Cats que surtou a internet ganha versão legendada

A Universal divulgou uma nova versão do trailer de “Cats”, adaptação de um dos mais famosos musicais da Broadway. Os efeitos visuais que surtaram a internet são os mesmos. A única diferença são legendas em português. Mas é difícil ler algo quando os olhos não conseguem desgrudar do horror, o horror.

A produção resolveu apelar para a computação gráfica para transformar o elenco em gatos humanizados. Mas o resultado são híbridos que parecem gatosomens, uma versão lobisomem de gatos, com direito ainda a transformar a bailarina negra Francesca Hayward em uma personagem branca.

Os personagens ficaram tão realistas, inclusive a versão gata de Taylor Swift, que assustam. Imagine as crianças diante das cenas que destacam a anatomia humanizada dos gatos, supostamente nus em cena. A estranheza das gatas sem seios só é menor que a insistência do vídeo em focar partes ainda mais íntimas, como as “dobras” nos lugares corretos. Uma adaptação estilizada em desenho animado não causaria a mesma rejeição.

A versão cinematográfica é dirigida por Tom Hooper (de “Os Miseráveis”, outro filme baseado em musical de sucesso) e também inclui em seu elenco Rebel Wilson (“A Escolha Perfeita”), Ian McKellen (“O Hobbit”), Idris Elba (“A Torre Negra”), Judi Dench (“Victoria e Abdul: O Confidente da Rainha”), James Corden (“Caminhos da Floresta”), Ray Winstone (“O Franco-Atirador”) e o cantor Jason Derulo em seu primeiro filme, além de diversos dançarinos de diferentes estilos – de hip-hop a balé. A protagonista Francesca Hayward é, por sinal, a prima ballerina do Royal Ballet, de Londres, que também faz sua estreia como atriz de cinema.

Composto por Andrew Lloyd Webber a partir da coleção de poemas escritas por T.S. Eliot, “Cats” conta a história dos gatos jellicle (palavra que só eles sabem o seu significado), que se reúnem uma vez ao ano para decidir quem deve ir para um lugar melhor. O espetáculo estreou no West End londrino em 1981 e teve longa temporada de sucesso na Broadway, entre 1987 e 2006.

Já a versão de cinema vai chegar às telas em 19 de dezembro no Brasil, um dia antes do lançamento nos Estados Unidos.