Disney não pode relançar Demolidor, Punho de Ferro e Luke Cage antes de 2020


Muitos fãs das séries da Marvel canceladas na Netflix estão estranhando o silêncio da Disney sobre o destino das produções. Oficialmente, houve apenas manifestações genéricas sobre os personagens continuarem a ter aventuras, o que ser pode apenas uma referência às publicações em quadrinhos.

Mas agora a Variety revelou o que pode estar por trás dessa falta de determinação.

Segundo apurou a revista, o contrato entre a Netflix e a Marvel proíbe que os personagens apareçam em qualquer filme ou série fora do serviço de streaming por pelo menos dois anos após o cancelamento.

Ou seja, Punho de Ferro, Luke Cage e Demolidor só poderiam ressurgir em novas atrações em 2020.


O prazo seria um pouco maior para Jessica Jones, que exibirá a sua 3ª temporada em 2019 na Netflix. Mas pode não valer para o Justiceiro, já que o personagem, cuja 2ª temporada estreia em janeiro, não fazia parte do acordo original entre a Marvel e a plataforma de streaming.

Após o cancelamento de “Demolidor”, que diversas empresas de auditoria independentes afirmam ter uma das maiores audiências da Netflix, o mesmo destino é esperado para “Justiceiro” e “Jessica Jones” após a exibição de suas próximas temporadas.

Tudo indica que os cancelamentos são retaliação da Netflix contra a Disney, que vai lançar sua plataforma Disney+ para disputar o mercado de streaming em 2019.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings