Seth Rogen se desculpa e intervém em produção após foto de dublê mirim revelar uso de “blackface” em filmagem

O ator e cineasta Seth Rogen pediu desculpas públicas pelo uso de “blackface” num dublê mirim durante as filmagens de um filme que ele está produzindo. O caso em que uma criança branca foi pintada de preto para aparentar tom de pele mais escuro veio à tona após fotos vazadas pelo site TMZ. Uma delas pode ser vista acima.

O menino fotografado com a maquiagem atuava em cena no lugar do ator Keith L. Williams, conhecido por sua participação na série “O Último Cara da Terra” (The Last Man on Earth). A produção do filme, intitulado “Good Boys”, inicialmente respondeu à polêmica dizendo que “não é incomum usar maquiagem para igualar os tons de peles de atores e dublês”.

As imagens foram repudiadas nas redes sociais, e o rapper e ator Common, vencedor do Oscar de Melhor Canção Original pelo filme “Selma”, resumiu a situação dizendo que “não há desculpa para o uso de ‘blackface'”.

Em declaração oficial à imprensa, Rogen desautorizou a equipe, ao concordar com as críticas. “Eu devo começar dizendo que isso não deveria ter acontecido, e eu sinto muito. Eu não vou dar nenhum tipo de desculpas para isso. Eu apenas direi que, assim que fiquei sabendo, intervi para que essa prática parasse”, ele escreveu.

“Eu dou a minha palavra que, em todos os projetos meus ou do meu time, vou tomar todas as precauções para que nada similar volte a acontecer”, continuou. “Estou tendo conversas com a equipe de produção para achar a melhor maneira de implementar isso. Preciso ser ativo nesse sentido. Reagir não é o bastante”.

Em janeiro, a Disney enfrentou acusações semelhantes na produção do filme de “Aladdin”, que foi denunciada por usar maquiagem para escurecer a pele de figurantes brancos. O estúdio retrucou que os figurantes em questão precisavam ter habilidades especiais, como malabarismo e dança, e que a contratação foi feita com base nisso, ao invés da cor de pele.

“Good Boys” é o primeiro filme dirigido pela dupla de roteiristas Lee Eisenberg e Gene Stupnitsky (da série “The Office” e do filme “Professora Sem Classe”). Eles também escreveram a história, que acompanha um grupo de garotos pré-adolescentes em uma jornada épica pelo vale de San Fernando, na Califórnia, para consertar um brinquedo quebrado antes que seus pais cheguem em casa.

Além de Keith L. Williams, o elenco mirim inclui Jacob Trembley (“O Quarto de Jack”), Brady Noon (série “Boardwalk Empire”) e as adolescentes Molly Gordon (série “Animal Kingdom”) e Midori Francis (“Oito Mulheres e um Segredo”).

Com distribuição da Universal Pictures, “Good Boys” tem estreia marcada para agosto de 2019 nos Estados Unidos e ainda não possui previsão de lançamento no Brasil.