Atriz de filmes B acusa Seal de assédio sexual

 

O cantor Seal está sendo investigado pela polícia de Los Angeles, após ser acusado de assédio sexual. A denúncia foi feita por Tracey Birdsall, estrela de diversos filmes B lançados direto em DVD – o mais recente é “Rogue Warrior: Robot Fighter” (2017).

Birdsall contou ao site TMZ que decidiu denunciar o cantor após ele fazer declarações polêmicas contra Oprah Winfrey, dizendo que a apresentadora sabia e foi conivente com os crimes cometidos pelo produtor Harvey Weinstein.

Segundo seu relato, ela e Seal eram vizinhos em Los Angeles e numa ocasião, em 2016, ela foi agarrada na cozinha do ator, ao pedir de volta um utensílio que lhe tinha emprestado. Birdsall diz que Seal tentou beijá-la à força e, em seguida, agarrou seus seios, insinuando que ela “estava pedindo” por isso, por estar usando shorts e regata.

A atriz teria pedido ao cantor que parasse e, nesse momento, ele a convidou para sentar no sofá. Pouco depois, Seal começou novamente a falar de sua roupa e a agarrou. A atriz deixou o local e não teve mais contato com ele.

Uma fonte do site confirmou que uma queixa contra o cantor foi aberta no sábado (13/1) e ele está sendo investigado pela polícia de Los Angeles.

Em comunicado oficial, um representante do cantor disse que Seal nega “veementemente” as acusações e as classificou como falsas.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.

Back to site top
Change privacy settings