Agent Carter é cancelada e Agents of SHIELD não terá novo spin-off


A rede ABC anunciou o cancelamento da série “Agent Carter” e a desistência de produzir “Marvel’s Most Wanted”, novo spin-off de “Agents of SHIELD”, retirando-se da disputada pelo público das adaptações de quadrinhos na televisão, posição atualmente liderada pela CW com suas séries da DC Comics.

Infelizmente, por mais que “Agent Carter”, baseada nas histórias da agente secreta Peggy Carter (com Hayley Atwell repetindo seu papel de “Capitão América: Primeiro Vingador”), tenha conquistado a crítica, a série nunca foi sucesso de audiência. Mesmo somando todas as plataformas, a 2ª temporada nunca passou dos 4,3 milhões de telespectadores.

Para piorar, a série terminou num cliffhanger que deveria ser explorado na 3ª temporada, deixando os fãs sem uma resolução. Um telefilme seria uma forma de apaziguar os ânimos, mas a ABC, perpetuando uma prática nefasta das grandes redes, não pretende dar satisfação a seus telespectadores.


A baixa audiência, que causou o cancelamento de “Agent Carter”, também influiu na decisão da emissora em não prosseguir com os planos de produzir “Marvel’s Most Wanted”, que seria centrado em dois personagens de “Agents of SHIELD”, Bobbi Morse (Adrianne Palicki) e Lance Hunter (Nick Blood). É provável que, diante disso, os personagens, que tinham se despedido de “Agents of SHIELD” em março, voltem a ser incorporados à série na próxima temporada – se seus intérpretes não optarem por outras oportunidades.

“Agents of SHIELD” teve a renovação para sua 4ª temporada anunciada em março.

Hayley Atwell, por sua vez, seguirá no canal, protagonizando uma nova série, o drama jurídico “Conviction”, em que vive uma filha rebelde de políticos que, para evitar ser presa por drogas, aceita integrar uma unidade da promotoria federal, dedicada a investigar casos de pessoas condenadas injustamente. Criada pela roteirista Liz Friedman (“Jessica Jones” e “Elementary”) e a diretora Liz Friedlander (séries “Stalker” e “The Following”), a série vai estrear na temporada de outono, entre setembro e novembro nos EUA.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings