James Cameron promete lançar um filme de Avatar por ano a partir de 2017

O diretor James Cameron revelou que planeja estrear a continuação de “Avatar” em 2017. Mais que isso, pretende lançar um filme de “Avatar” por ano até 2020, completando uma tetralogia.

“Estamos mirando no Natal de 2017″, ele disse, em entrevista ao jornal canadense Montreal Gazette. “É o que anunciamos, pelo menos”, precaveu-se, provavelmente lembrando que anúncios como este já foram feitos antes, várias vezes, sempre seguidos por novos adiamentos. De todo modo, ele retoma: “Mas não considero essa informação tão importante quanto o fato de que, quando terminarmos todos os três filmes, vamos lançá-los com apenas um ano de diferença. Será uma metanarrativa que se estende por todos estes três filmes. Cada um se sustenta por si, mas também conta uma história muito maior”.

Vale lembrar que Cameron prometeu originalmente a sequência do sucesso de 2009 para o ano de 2013. Mas logo que viu o trabalho que teria, revisou seus planos e reservou o lançamento para o final de 2014. Conforme o prazo se aproximava sem a produção começar, o diretor fez novo anúncio, garantindo a estreia em 2015. Na data prevista, porém, apenas os roteiros ficaram prontos. O que fez o longa ganhar uma nova data “definitiva”: dezembro de 2016 – que já caiu, novamente.

De adiamento em adiamento, Cameron aumenta seu orçamento sem iniciar a produção. Fala-se que os três longas que ele pretende filmar simultaneamente custarão mais de US$ 1 bilhão para a 20th Century Fox. A aposta é ambiciosa, pois “Avatar” detém o recorde de maior bilheteria de cinema de todos os tempos, com US$ 2,7 bilhão de arrecadação mundial. Mas se os planos de sua continuação derem errado, o risco para a Fox é altíssimo. Um desastre nas bilheterias poderia, inclusive, quebrar o estúdio.

Cameron vai dirigir todos os três filmes, mas cada um foi escrito por um time diferente. A história de “Avatar 2” foi desenvolvida por Rick Jaffa e Amanda Silver (a dupla de “Planeta dos Macacos 2: O Confronto”), “Avatar 3” ficou a cargo de Josh Friedman (criador da série “Terminator: The Sarah Connor Chronicles”, também baseado em personagens de Cameron) e “Avatar 4” acabou nas mãos de Shane Salerno (do pavoroso “Aliens vs. Predador 2”).

Apesar do anúncio de Cameron, os novos longas ainda não têm cronograma oficial de produção. Isto mesmo: ainda não há data prevista para o começo das gravações, o que torna a promessa de seu lançamento em 2017 bastante improvável.

Mas enquanto Cameron se enrola e enrola, a atriz Zöe Saldana entrou em duas outras franquias sci-fi, “Star Trek” e “Guardiões da Galáxia”, e se o diretor quiser contar com ela em seus filmes vai precisar contornar o complexo cronograma das sequências dessas duas superproduções. Além dela, o diretor também confirmou interesse em trazer de volta o protagonista Sam Worthington e os intérpretes de dois personagens que morreram em “Avatar”, Sigourney Weaver e Stephen Lang.

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna

Back to site top
Change privacy settings