Motorrad: Terror brasileiro com motoqueiros assassinos ganha trailer sangrento

Motorrad: Terror brasileiro com motoqueiros assassinos ganha trailer sangrento

 

A Filmland divulgou o trailer de “Motorrad”, suspense radical brasileiro que estreia em 2018. A nova prévia ajuda a encerrar os clichês precipitados. Esqueça o chamariz batido do “Mad Max brasileiro” – no caso, “Reza a Lenda 2”? As cenas de motos disparando entre montanhas e cenários áridos não demoram a ser substituídas por imagens de motoqueiros mascarados, facões ensanguentados e assassinatos brutais das vítimas que se aventuram em locais afastados – ou seja, uma iconografia típica de slasher americano. O clima é de filme de terror, estilo “Viagem Maldita” (2006).

A sinopse oficial descreve “Motorrad” como “um thriller de alta voltagem”: “Um grupo de motoqueiros entra em território proibido e é seduzido a fazer uma trilha onde a beleza da paisagem vai sendo rapidamente substituída pelo medo e pela morte. Enfrentar o que os está caçando vai ser tão difícil quanto a convivência entre eles, marcada por sedução, violência e transformações”.

A história foi concebida por Danilo Beyruth, um dos maiores nomes dos quadrinhos nacionais (que atualmente desenha para a Marvel, justamente a nova série do “Motoqueiro Fantasma”), roteirizada por LG Bayão (que escreveu coisas tão distintas quanto “Irmã Dulce” e o besteirol “O Último Virgem”) e filmada pelo diretor Vicente Amorim (de “Corações Sujos” e também “Irmã Dulce”).

O elenco inclui alguns ex-integrantes da novela teen “Malhação”, como Carla Salle, Guilherme Prates e Juliana Lohmann.

O verdadeiro massacre, porém, veio da crítica norte-americana, que eviscerou o filme após sua exibição no Festival de Toronto. A estreia nacional está marcada para 1 de março.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna