Cantora egípcia é condenada a dois anos de prisão por clipe que “incita a devassidão”

Cantora egípcia é condenada a dois anos de prisão por clipe que “incita a devassidão”

 

A cantora egípcia Shyma, de 21 anos, e o diretor de seu novo clipe, Mohamed Gamal, foram condenados a dois anos de prisão por “incitar a devassidão”. O motivo foi o clipe da música “I Have Issues”, em que Shyma, cujo nome real é Shaimaa Ahmed, aparece toda sexy diante de um grupo de estudantes adultos e come seu lanche de forma provocante, especialmente um par de bananas.

Segundo o jornal The Guardian, a sentença foi precedida por uma campanha na imprensa egípcia, que acusou a cantora de “ensinar devassidão aos jovens”.

A cantora chegou a pedir desculpas pela produção. “Eu não imaginei que tudo isso aconteceria e que o vídeo seria alvo de ataques tão fortes. Sou apenas uma jovem com o sonho de ser uma cantora”, ela escreveu no Facebook, antes de ter a conta bloqueada.

Veja abaixo os trechos polêmicos do clipe, que, assim como a música, lembra produções brasileiras dos anos 1990.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.