Aly Muritiba vence três prêmios na seção Cinema em Construção do Festival de San Sebastián

Aly Muritiba vence três prêmios na seção Cinema em Construção do Festival de San Sebastián

 

O filme brasileiro “Ferrugem”, de Aly Muritiba, recebeu três troféus da seção Cinema em Construção da 65ª edição do Festival de San Sebastián. A vitória na seção, que premia projetos filmados, mas não terminados, vai bancar a pós-produção do filme, além de garantir a distribuição na Espanha e, de quebra, ainda inclui a obra no programa de incentivo Ibermedia.

Muritiba, que concorreu em 2015 na seção Horizontes Latinos com o thriller “Para Minha Amada Morta”, apresenta em seu novo filme um drama social sobre uma adolescente que teve um vídeo íntimo publicado na internet e as consequências que isso acarreta.

O longa não se baseia em um fato real concreto, mas “há muitos fatos reais por trás”, apontou o diretor em entrevista para a agência Efe. Ele foi professor de adolescentes durante anos e fez um amplo trabalho de pesquisa para escrever o roteiro.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.