Cate Blanchett pode viver bruxa em terror juvenil do diretor de O Albergue

Cate Blanchett pode viver bruxa em terror juvenil do diretor de O Albergue

 

Após viver a deusa da Morte da Marvel, no vindouro “Thor: Ragnarok”, a atriz Cate Blanchett pode voltar a assustar as crianças. Segundo o site Deadline, está negociando integrar o elenco de “The House with a Clock in Its Walls”, adaptação do livro de fantasia gótica de John Bellairs, e provavelmente no papel de uma bruxa.

O livro foi concebido para o público infanto-juvenil, mas a adaptação será levada para a tela por um time especializado em terror. O roteiro foi escrito por Eric Kripke, criador da série “Supernatural”, e a direção está a cargo de Eli Roth, do ultraviolento “O Albergue”. Já a produção é da Amblin Entertainment, empresa de Steven Spielberg.

A história gira em torno de Lewis Barnavelt, um órfão de 10 anos, que descobre um mundo de passagens escondidas, magia e perigo na casa do tio. Antiga moradia de um casal de bruxos perigosos, o local abriga poderes capazes de destruir o mundo. O perigo toma forma quando Lewis tenta impressionar um amigo com o pouco de magia que aprendeu, conseguindo, em vez disso, ressuscitar a bruxa que quer trazer o apocalipse.

Lançado em 1973, “The House With a Clock in its Walls” fez tanto sucesso que originou uma trilogia centrada em Lewis Barnavelt – que foi retomada após a morte de Bellairs e rende aventuras sobrenaturais até hoje. O primeiro livro já tinha sido adaptado anteriormente, como um dos três episódios da antologia televisiva de terror “Once Upon a Midnight Dreary”, apresentada por Vincent Price em 1979.

O filme já tem definida a participação do ator Jack Black (“Goosebumps”). Embora sem confirmação, ele deve viver o tio de Lewis, dono da casa maldita, que também é um bruxo de pouca habilidade.

Ainda não há previsão para o lançamento.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.