Rogue One perde 1º lugar nos EUA, mas ultrapassa US$ 900 milhões em todo o mundo

Rogue One perde 1º lugar nos EUA, mas ultrapassa US$ 900 milhões em todo o mundo

 

“Rogue One: Uma História Star Wars” perdeu a liderança das bilheterias nos EUA em seu quarto fim de semana consecutivo, enfrentando uma tempestade de neve que fechou muitos cinemas por todo o país. O resultado foi uma vitória apertada de “Estrelas Além do Tempo”. A diferença ficou em US$ 800 mil.

Independente de posicionamento, os mais de US$ 20 milhões acumulados nos últimos dias elevaram a arredação total do prólogo de “Guerra nas Estrelas” (1977) a US$ 477,2 milhões. Agora, faltam apenas US$ 9 milhões – ou mais um fim de semana – para “Rogue One” superar “Procurando Dory” (US$ 486,2 milhões) e se tornar a maior bilheteria entre os filmes lançados em 2016 nos EUA.

O lançamento na China no fim de semana ainda rendeu mais US$ 31 milhões à sua conta, ajudando o longa a atingir US$ 914,3 milhões de arrecadação em todo o mundo. Com esse total, “Rogue One: Uma História Star Wars” também virou a 5ª maior bilheteria mundial de 2016, criando um fenômeno histórico para o estúdio Disney. Todas as cinco maiores bilheterias mundiais do ano passado foram produções da Disney. As demais são “Mogli, O Menino-Lobo” (US$ 966,6 milhões), “Zootopia” (US$ 1 bilhão), “Procurando Dory” (US$ 1 bilhão) e “Capitão América: Guerra Civil” (US$ 1,1 bilhão).

Por sua vez, o bom desempenho de “Estrelas Além do Tempo” impressiona pelo gênero: um drama histórico. A história pouco conhecida das engenheiras negras que trabalharam no programa espacial americano, ajudando a colocar os primeiros astronautas do país no espaço, conquistou A+, a nota máxima do CinemaScore, pesquisa de satisfação feita com o público dos cinemas, e 93% de aprovação no Rotten Tomatoes, agregador das críticas dos EUA. Caso raro de unanimidade entre público e crítica, o bom desempenho deu ainda mais tração para o filme chegar com força ao Oscar 2017. A estreia no Brasil está marcada apenas para 2 de fevereiro.

O fim de semana também teve a estreia de “Anjos da Noite: Guerras de Sangue” nos EUA. O fiasco de bilheteria, com US$ 13,1 milhões e uma colocação em 4º lugar – sem falar nos 22% de tomatadas no Rotten Tomatoes – , garante a aposentadoria da franquia.

BILHETERIAS: TOP 10 EUA

1. Estrelas Além do Tempo
Fim de semana: US$ 22,8 milhões
Total EUA: US$ 24,7 milhões
Total Mundo: US$ US$ 24,7 milhões

2.
Rogue One – Uma História Star Wars
Fim de semana: US$ 22 milhões
Total EUA: US$ US$ 477,2 milhões
Total Mundo: 914,3 milhões

3. Sing – Quem Canta Seus Males Espanta
Fim de semana: US$ 19,5 milhões
Total EUA: US$ 213,3 milhões
Total Mundo: US$ 356,8 milhões

4. Anjos da Noite: Guerras de Sangue
Fim de semana: US$ 13,1 milhões
Total EUA: US$ 13,1 milhões
Total Mundo: US$ 55,2 milhões

5. La La Land – Cantando Estações
Fim de semana: US$ 10 milhões
Total EUA: US$ 51,6 milhões
Total Mundo: US$ 85,7 milhões

6. Passageiros
Fim de semana: US$ 8,8 milhões
Total EUA: US$ 80,8 milhões
Total Mundo: US$ 185,4 milhões

7. Tinha que Ser Ele?
Fim de semana: US$ 6,5 milhões
Total EUA: US$ 48,5 milhões
Total Mundo: US$ 66,3 milhões

8. Moana – Um Mar de Aventuras
Fim de semana: US$ 6,4 milhões
Total EUA: US$ 225,3 milhões
Total Mundo: US$ 450 milhões

9. Fences
Fim de semana: US$ 4,7 milhões
Total EUA: US$ 40,6 milhões
Total Mundo: US$ 40,6 milhões

10. Assassin’s Creed
Fim de semana: US$ 3,8 milhão
Total EUA: US$ 49,5 milhões
Total Mundo: US$ 99,8 milhões

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna