Ator de Star Wars: O Despertar da Força será protagonista de Círculo de Fogo 2

Ator de Star Wars: O Despertar da Força será protagonista de Círculo de Fogo 2

 

O ator John Boyega, que se destacou como o desertor Finn de “Star Wars: O Despertar da Força”, vai protagonizar uma nova franquia sci-fi. Ele vai estrelar a continuação de “Círculo de Fogo” (2013), no papel do filho de Stacker Pentecost, personagem de Idris Elba no filme original.

Esta é a primeira informação sobre a trama da sequência, cujo roteiro vem sendo mantido em segredo.

Estrelado por Charlie Hunnam, Rinko Kikuchi e Idris Elba, “Círculo de Fogo” mostrava a guerra da humanidade contra criaturas monstruosas (conhecidas como Kaijus), e rendeu US$ 411 milhões ao redor do mundo, um faturamento baixo considerando seu orçamento de US$ 190 milhões. Entretanto, fez sucesso na China, o que explica o interesse em retomar a franquia, agora com coprodução chinesa.

Intitulada, em inglês, “Pacific Rim: Maelstrom”, a sequência foi escrita pelos criadores do filme original, Travis Beacham e Guillermo Del Toro, com auxílio de feras da sci-fi, como Derek Connolly (“Jurassic World”) e Jon Spaihts (“Prometheus”). A trama deve se passar alguns anos depois da derrota dos Kaijus e abordará o destino dos Jaegers, os robôs gigantes que não têm mais contra o que lutar. Só que os seres extradimensionais responsáveis pela invasão dos monstros gigantes ainda não desistiram da Terra.

A continuação marcará a estreia de Steven S. DeKnight como diretor de cinema. Ele é um roteirista e produtor veterano de séries cultuadas, desde “Buffy – A Caça-Vampiros” em 2000, passando por “Smallville”. Foi também criador da série “Spartacus” e showrunner da 1ª temporada de “Demolidor”, da qual dirigiu o episódio final.

O filme ainda não tem previsão de estreia.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna