Uma Thurman e Alexandra Daddario vão estrelar novo filme da diretora de Persépolis

 

As atrizes Uma Thurman (“Kill Bill”) e Alexandra Daddario (“Terremoto – A Falha de San Andreas”) estão em negociações finais para estrelar “The Extraordinary Journey of the Fakir” (a viagem extraordinária do faquir), novo filme dirigido pela artista iraniana Marjane Satrapi (“Persépolis”).

Segundo o site Variety, a produção terá um elenco internacional, que ainda inclui Gemma Arterton (“Gemma Bovary”), Barkhad Abdi (“Capitão Phillips”), Laurent Lafitte (“Relacionamento à Francesa”), Abel Jafri (“Timbuktu”), Seema Biswas (“Os Filhos da Meia-Noite”) e o astro de Bollywood Dhanush (“Maari”), que terá o papel principal, em sua estreia numa produção falada em inglês.

Artista de quadrinhos transformada em cineasta na adaptação de sua obra “Persépolis” (2007), Satrapi fez sua estréia em inglês com o suspense de humor negro “As Vozes”, estrelado por Ryan Reynolds em 2014.

O novo filme é baseado no best-seller de Romain Puértolas, cujo título completo é “The Extraordinary Journey of the Fakir Who Got Trapped in an Ikea Wardrobe”, lançado em 2014 e já traduzido para 35 idiomas. O romance segue a peregrinação de um vigarista da Índia para Paris, onde ele se apaixona por uma mulher e, acidentalmente, se vê deportado com um grupo de refugiados africanos para os confins extremos da Europa.

“É uma história sobre o amor, magia e aventura e se passa em três continentes. Sou atraído por histórias de fantasia e eu adoro criar mundos que não existem, imaginando as coisas de maneiras maiores e mais belas”, disse Satrapi, em comunicado.

O roteiro foi escrito por Luc Bossi (“A Espuma dos Dias”) e pretende juntar a trama fantasiosa com o drama contemporâneo dos refugiados na Europa, sem, entretanto, perder o humor do texto original.

As filmagens vão começar em junho, com locações em Paris, Roma, Jodhpur e Casablanca. Ainda não há previsão para a estreia.

Comente

Wilson Vianna é jornalista, fã de séries e filmes, mas se diverte mesmo com celebridades que se levam à sério.