George Lucas pede desculpas à Disney por comentários ofensivos

George Lucas pede desculpas à Disney por comentários ofensivos

 

Os comentários de George Lucas, que taxou “Star Wars: O Despertar da Força” de filme “retrô” e comparou a Disney a “escravagistas brancos” repercutiram tanto que o cineasta decidiu emitir um comunicado se retratando. As declarações foram feitas durante uma entrevista à revista The Hollywood Reporter, e foram consideradas ofensivas.

“Eu me expressei mal e usei uma analogia inapropriada, e por isso peço desculpas”, disse George Lucas em seu comunicado, emitido nesta quinta (31/12). “Tenho trabalhado com a Disney por 40 anos e a escolhi como zeladora de ‘Star Wars’ devido a meu grande respeito pela companhia e pela liderança de Bob Iger.”

Ele também afirmou que a Disney “está fazendo um trabalho incrível de cuidar e expandir a franquia”.

O que fica dessa confusão é que Lucas está se mordendo de inveja pelo sucesso de “Star Wars: O Despertar da Força”. Em duas semanas, o filme faturou mais que todos os filmes anteriores da franquia, inclusive os quatro que ele próprio dirigiu.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna