John Cena vai viver o herói de videogame Duke Nukem no cinema

 

A carreira de ator de John Cena (“Pai em Dose Dupla”) segue em evolução. Após dublar o “Touro Ferdinando” e participar das filmagens de “Bumblebee”, spin-off da franquia “Transformers”, o lutador transformado em astro de cinema vai agora estrelar a adaptação do game clássico “Duke Nukem”.

A Platinum Dunes, empresa do cineasta Michael Bay (o culpado pelos “Transformers”), está encarregada de produzir o filme para a Paramount.

O curioso é que o projeto definiu primeiro o ator, antes de contratar um roteirista. Este é o próximo passo da produção.

Os populares videogames de Nukem destacam as pancadarias de seu protagonista musculoso e politicamente incorreto, que fuma charutos, seduz garotas e luta para salvar o planeta Terra desde 1991, quando o primeiro jogo foi lançado.

O jogo original se passava no ano 1997 (o “futuro próximo”), quando o cientista louco Dr. Proton ameaça a dominar o mundo com seu exército de Techbots. Duke Nukem, o herói, é contratado pela CIA para detê-lo. Os embates acontecem na devastada cidade de Nova York, numa base lunar secreta e numa viagem no tempo rumo ao futuro. Nos segundo e terceiro games, lançados em 1993 e 1996, Duke enfrenta alienígenas.

O quarto game só foi lançado em 2011 e mostrava o herói largando a aposentadoria para salvar o mundo de – novamente – alienígenas, que se mostravam determinados a raptar as mulheres da Terra.

A versão de cinema ainda não tem cronograma de filmagens ou previsão de lançamento.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna