The Gifted ganha trailer do próximo episódio, com direção do criador de Anjos da Noite

The Gifted ganha trailer do próximo episódio, com direção do criador de Anjos da Noite

 

A Fox divulgou uma prévia do próximo episódio da série “The Gifted”, derivada dos filmes dos “X-Men”. O vídeo revela o encontro entre Reed Strucker (Stephen Moyer, de “True Blood”) e Polaris (Emma Dumont, da série “Aquarius”) numa prisão e a primeira aparição de Roderick Campbell (Garret Dillahunt, da série “Raising Hope”), um cientista que pesquisa o gene X, e que nos quadrinhos é o supervilão Ahab.

A aparição do vilão sugere que a cronologia de “The Gifted” segue a linha distópica de “X-Men: Dias de um Futuro Esquecido”, filme que inclusive tinha dois dos mutantes que estão na série: Pássaro Trovejante (Blair Redford, da séries “The Lying Game”) e Blink (Jamie Chung, da série “Gotham”), embora interpretados por atores diferentes.

Criada por Matt Nix (série “Burn Notice”), a atração se passa numa realidade distópica, em que mutantes são caçados pelo governo americano, e gira em torno de uma família em fuga, após seus filhos manifestarem poderes. Perseguidos por uma equipe militarizada, denominada de Sentinelas, eles encontram refúgio com um grupo de mutantes rebeldes.

A família é formada por Moyer, Amy Acker (série “Pessoa de Interesse/Person of Interest”) e os adolescentes Natalie Alyn Lind (série “The Goldbergs”) e Percy Hynes White (série “Between”).

Já os super-heróis que os ajudam incluem, além dos citados, Eclipse (Sean Teale, da série “Reign”), único dos quatro que não existe nos quadrinhos.

Após o piloto dirigido por Bryan Singer (“X-Men”), o segundo episódio terá direção de outro cineasta. Por sinal, além de dirigir o capítulo, Len Wiseman (diretor e roteirista de “Anjos da Noite”) também entrou na equipe de produtores da série.

Intitulado “rX”, o próximo episódio vai ao ar em 9 de outubro nos Estados Unidos e na noite seguinte no Brasil, no canal pago Fox.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna