Blake Heron (1982 – 2017)

 

O ator Blake Heron, que ficou conhecido por protagonizar “Shiloh: O Melhor Amigo” (1995) aos 14 anos de idade, foi encontrado morto na manhã desta sexta-feira, dentro de sua casa em Los Angeles. Segundo o site americano TMZ, o ator havia saído da reabilitação poucos dias antes.

Aos 35 anos, Heron lutava contra um antigo vício em heroína. A causa da morte, no entanto, ainda não foi divulgada.

O ator estreou na televisão aos 13 anos, como coadjuvante no filme da Disney “Tom e Huck – Em Busca do Grande Tesouro” (1995), baseado no romance clássico de Mark Twain “As Aventuras de Tom Sawyer”, e no mesmo ano ganhou destaque ao viver o protagonista Marty Preston no filme “Shiloh: O Melhor Amigo”, responsável por salvar um cachorro das mãos de seu dono cruel.

A seguir, ele participou das duas temporada da série “Nick Freno: Licensed Teacher”, mas, como acontece com muitos astros mirins, a carreira estagnou ao final de sua adolescência. Seu último trabalho como protagonista, o western “Wind River” (2000), foi lançado direto em DVD.

Como adulto, Heron participou de muitos projetos lançados direto em DVD, entre eles “11:14” (2003), que tinha elenco de cinema – Patrick Swayze, Hilary Swank, Rachael Leigh Cook, Ben Foster, etc.

Mas também integrou alguns filmes indies de prestígio, como “Dandelion” (2004), drama estrelado por Vincent Kartheiser (série “Mad Men”) e Taryn Manning (série “Orange Is the New Black”), que foi premiado no Festival Karlovy Vary e indicado ao Film Independent Spirit Awards.

Depois de “Dandelion”, porém, sua carreira evaporou, coincidindo com seu mergulho nas drogas e clínicas de reabilitação. Ele só voltou a atuar após oito anos, aparecendo em episódios de séries como “Justified”, “NCIS: New Orleans” e “Criminal Minds”.

Ironicamente, seu último trabalho, “A Thousand Junkies”, exibido no Festival de Tribeca deste ano, acompanhava três amigos drogados em busca de heroína por Los Angeles. No filme, seu personagem tinha seu próprio nome.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.