Argentina seleciona coprodução brasileira para vaga no Oscar de Melhor Filme Estrangeiro

Argentina seleciona coprodução brasileira para vaga no Oscar de Melhor Filme Estrangeiro

 

A Argentina definiu o filme “Zama”, épico de Lucrecia Martel ambientado na colonização espanhola, como representante do país para tentar uma vaga no Oscar de Melhor Filme em Língua Estrangeira de 2018.

O filme selecionado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas da Argentina é uma coprodução brasileira, que fará sua première nacional no Festival do Rio. Além da brasileira Bananeira Filmes, de Vânia Catani, a lista de empresas responsáveis pelo longa inclui a El Deseo, do espanhol Pedro Amodóvar. Os dois são listados entre os produtores da obra, assim como o ator mexicano Gael García Bernal e o americano Danny Glover, entre outra dezena de parceiros.

Baseado em um romance homônimo do falecido escritor Antonio Di Benedetto, o filme conta a história de Diego de Zama (o espanhol Daniel Giménez Cacho), um oficial da coroa no século 18, que se encontra estagnado há anos em um posto de Assunção (Paraguai) a espera da confirmação de sua transferência para um local menos inóspito.

Após uma angustiante e tensa espera, em que sofre com o distanciamento de seus familiares, o homem decide se juntar a um grupo de soldados e ir em busca de um perigoso bandido. Nesses momentos de violência, Diego descobre que tudo o que deseja é sobreviver.

A espanhola Lola Dueñas e os argentinos Juan Minujín, Rafael Spregelburd, Nahuel Cano e Daniel Veronese completam o elenco.

Lucrecia Martel é conhecida por filmes premiados como “O Pântano” (2001), “A Menina Santa” (2004) e “A Mulher sem Cabeça” (2008), mas não filmava há nove anos.

Curiosamente, a disputa pela vaga do Oscar ainda inclui outra coprodução brasileira: “A Ciambra”, de John Carpignano, candidato da Itália. O representante oficial do Brasil é “Bingo – O Rei das Manhãs”, de Daniel Rezende.

Os indicados ao Oscar serão anunciados no dia 23 de janeiro.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.