Próximo filme de Quentin Tarantino pode abordar os crimes de Charles Manson

Próximo filme de Quentin Tarantino pode abordar os crimes de Charles Manson

 

Quentin Tarantino já tem roteiro novo e estaria começando contatos para definir o elenco de seu próximo filme. Segundo o site The Hollywood Reporter, Brad Pitt, que trabalhou com o cineasta em “Basterdos Inglórios” (2009), e Jennifer Lawrence (“X-Men: Apocalipse”) foram abordados. Já o Deadline cravou o nome de Margot Robbie (“Esquadrão Suicida”).

Ainda segundo o THR, o longa, que não tem título conhecido, irá abordar os assassinatos cometidos pelos seguidores de Charles Manson.

Os papéis oferecidos não foram confirmados, mas o site afirma que a trama destacará o assassinato brutal da atriz Sharon Tate, esposa do cineasta Roman Polanski. Manson ordenou que um grupo de seus seguidores atacassem os moradores de uma casa em Los Angeles, acreditando que era propriedade de um produtor de discos que o rejeitara. Não era. Mesmo assim, quatro de seus seguidores torturaram e mataram Tate, que estava grávida de oito meses, e outras quatro pessoas no local, em 1969.

Caso a produção se confirme, será o primeiro filme de Tarantino baseado em fatos reais.

Ainda em estágio inicial de produção, a Weinstein Company busca um cofinanciador capaz de arcar com o salários de atores de elite, como os citados.

As filmagens só devem acontecer em 2018, durante o verão norte-americano – ou seja, daqui a exatamente um ano.

De todo modo, a fonte do THR diz que Lawrence não estaria interessada no papel de Tate.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.